Preso líder do PCC que pretendia queimar ônibus e destruir prédios no DF

0

Alexandro Dionato dos Santos, conhecido como Tony Country ou Goleador, foi detido em Assis (SP). Ele mantinha comunicação com integrantes da facção criminosa da capital federal

 

Um dos líderes do Primeiro Comando da Capital (PCC) foi preso preventivamente no município de Assis (SP), na segunda-feira (3/2). Alexandro Dionato dos Santos, conhecido como Tony Country ou Goleador, de 25 anos, era procurado pela Coordenação Especial de Combate à Corrupção e ao Crime Organizado (Cecor) desde março de 2019, quando houve a deflagração da Operação Continuum.
Alexandro Santos exercia, dentro do PCC, a função de “Geral das Trancas”, cuja obrigação é prestar auxílio e organizar crimes no sistema penitenciário. Em meio a uma ação no ano passado, investigadores da Divisão de Repressão a Facções Criminosas (Difac) encontraram um papel que indicava o pedido de atentado no Distrito Federal.
“A missão dele era queimar ônibus e destruir prédios públicos. A ordem veio de dentro dos presídios, o que indica que o preso tinha um papel importante dentro da facção, pois mantinha a comunicação entre o estado de São Paulo e o Distrito Federal”, observa o delegado Guilherme Sousa Melo, diretor da Difac.
Tony Country contava com mandado de prisão expedido pela Justiça e, por isso, era considerado foragido. Os agentes da divisão receberam a informação sobre o paradeiro do suspeito. A Difac recebeu apoio da Divisão de Repressão ao Crime Organizado (Draco) e do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT).

Combate ao crime organizado

Em meio à ação, agentes encontraram um caderno com informações importantes sobre integrantes do PCC. Em uma das folhas divulgadas pela Polícia Civil, há a ficha de inscrição de um homem, à época com 19 anos, morador de Santa Maria. Entre os dados constava a data de “batizado” (entrada no PCC) dele, em 25 de junho de 2018, em Buriti (MG). Após se tornar membro da facção, ele ficou conhecido como “Humildade” e “Gêmios” (sic). As anotações também indicavam as responsabilidades de cada um dos membros, conforme ficha pessoal.
anuncio patrocinado
Anunciando...