Operário morre esmagado por empilhadeira

0

Colegas de trabalho informaram que o trabalhador operava no local há mais de 30 anos. Sua idade não foi revelada

 

Na noite de quarta-feira (6), Florisvaldo Ramos dos Santos morreu ao ser esmagado por uma empilhadeira, dentro da Companhia das Docas do Estado da Bahia (Codeba).

Colegas de trabalho informaram que o trabalhador operava no local há mais de 30 anos. Sua idade não foi revelada.

“Eu só sei dizer que foi um atropelo de empilhadeira, como qualquer atropelo de pedestre. A empilhadeira pegou ele, é um equipamento muito grande e pesado, não tinha condições do operador ver ele. Eu estava dentro de um caminhão, vi o tumulto e quando cheguei perto, já tinha acontecido. Ninguém fez nada depois desse horário e continua suspenso. Ninguém sabe a hora que volta a trabalhar”, detalhou um homem que presenciou a tragédia.

De acordo com o Ministério Público do Trabalho (MPT), um inquérito será aberto para apurar o caso. Por meio de uma nota, a Codeba lamentou profundamente o ocorrido e disse que se solidariza com familiares e colegas do trabalhador

anuncio patrocinado
Anunciando...