Homem é preso suspeito de envenenar companheira com cerveja

0

O homem disse que a relacionamento era marcado por brigas, traições e crises financeiras, e que isso motivou sua ação

 

 

Na última segunda-feira (19), um homem de 42 anos foi preso pela Polícia Civil, em Belo Horizonte. Ele é suspeito de ter envenenado a mulher, na semana passada, com a substância tóxica dietilenoglicol.

De acordo com as investigações, o homem comprou o material pela internet por R$ 35 há dois meses. A polícia alega que ele esperou o momento exato para envenenar a própria esposa.

O envenenamento aconteceu no dia 11 de abril. O homem misturou a substância em uma cerveja e deu à mulher, que dois dias depois foi ao hospital e segue internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

A delegada responsável pelo caso, Lígia Barbieri, disse que o homem se entregou à polícia após perceber que a esposa começou a piorar. “O homem contou aos profissionais de saúde que tinha envenenado a esposa com dietilenoglicol e depois se entregou à polícia”, afirmou.

Em depoimento, o homem disse que a relacionamento era marcado por brigas, traições e crises financeiras, e que isso motivou sua ação. Ele teve a prisão preventiva decretada e seguiu para o sistema prisional.

Dietilenoglicol

Vale lembrar que a substância usada nesse caso foi a mesma que contaminou centenas de lotes de cervejas produzidas pela Backer. Nesse episódio, 10 pessoas morreram e 16 tiveram sequelas graves.

anuncio patrocinado
Anunciando...