Em clipe de “segue o vento”, saudade tenta superar o sentimento de ansiedade na faixa que encerra o álbum “jardim entre os ouvidos”

0

Como no encerramento de uma jornada, “segue o vento” possui um caráter quase épico e é a música que fecha “jardim entre os ouvidos”, álbum de estreia de saudade, deixando a lição de que as adversidades servem como combustível para vida.

A mensagem é traduzida no clipe dirigido pela dupla Hugo Gama e Fabrício Abramov (HuFa), que chega ao YouTube nesta terça-feira, dia 25. “Muitas vezes, ficamos imersos em nossos pensamentos, como se nossa cabeça estivesse mergulhada em um aquário. Levamos essa metáfora à cena para tentar mostrar como a ansiedade se manifesta para mim”, conta o artista Saulo von Seehausen. As imagens foram feitas na Praia de Piratininga, em Niterói, e no estúdio do Diretor de Fotografia Rudy Huhold, em Santa Teresa.

Assista: https://www.youtube.com/watch?v=UwtT5ztitLs.

A faixa combina várias estéticas, de beats eletrônicos até a luxuosa participação de uma orquestra russa, de São Petersburgo, que acabaram por conferir uma sonoridade coletiva para esse trabalho. “Foi um desafio mixar essas vertentes bem diferentes e ainda assim soar orgânico, mas acredito que chegamos nesse objetivo”, afirma o músico.

Lançado em novembro, o disco “jardim entre os ouvidos” foi inspirado no tríptico do holandês Hieronymus Bosch, “O Jardim das Delícias Terrenas”, e coloca cada faixa como um microuniverso dentro deste lugar interno para onde as pessoas são transportadas ao escutar música. Conectadas, as nove músicas se apresentam como capítulos de uma história narrada ao longo dos breves, porém impactantes 26 minutos de álbum. Ao seu lado nesta profunda viagem estão o baterista Bruno Bade, o baixista Leandro Bronze e o guitarrista Renan Vasconcelos, além de uma grande equipe técnica que também assumiu o projeto como seu.

 

Ficha técnica:
Direção: HuFa
Fotografia: Rudy Huhold
Assistente de fotografia: João Gabriel Salomão
Produção executiva: Renata Magalhães
Design: Vinícius Tibuna.

Sobre saudade:
O artista Saulo von Seehausen assumiu a personificação de saudade dentro do universo musical, traduzindo para sua música o sentimento de nostalgia, em uma ambiciosa revisita às sonoridades mundialmente apreciadas da música brasileira. Não foi à toa que chamou atenção de grandes compositores, como Guilherme Arantes, sendo citado nominalmente pelo ícone como destaque e futuro da cena nacional. Desde o apelo e delicadeza da canção da bossa nova e MPB à exploração de arranjos e texturas da Tropicália e psicodelismo brasileiro, saudade mistura influências clássicas como Os Mutantes e Clube da Esquina com uma abordagem mais atual, passando por pianos e elementos eletrônicos à la Sufjan Stevens, Àsgeir e Tom Misch.

Depois de fazer uma turnê pelos Estados Unidos em 2018 e 2019, saudade lançou o seu primeiro álbum chamado ‘jardim entre os ouvidos’ em novembro de 2020. Com nove canções conectadas como capítulos de um livro, o músico explorou o conceito de microuniversos ao trazer para sua obra toque biográficos. Agora, entra em fase de pré-produção para seu próximo disco, no qual projeta tempos mais otimistas pelos quais o mundo inteiro anseia no momento. Dentro de seu portfólio ainda constam singles lançados em parceria com nomes como Gustavo Bertone (Scalene) e Luiza Caspary. Todo o seu trabalho está disponível nas principais plataformas de streaming.

Acompanhe o artistahttps://linktr.ee/osaudade.

anuncio patrocinado
Anunciando...