Marketing Esportivo: conheça as principais tendências da área

marketing esportivo

Marketing esportivo é um tipo de marketing que traz oportunidades para atletas, equipes e outros negócios dentro do universo dos esportes.

Suas estratégias estão cada vez mais presentes e fortes, e existem muitas tendências no mercado atual. Trata-se de uma ferramenta fundamental, lucrativa e eficiente, que gera muitas oportunidades de negócios para o meio.

Na verdade, o marketing, tanto online quanto offline, é um investimento necessário para qualquer tipo de empresa ou profissional. É por meio dele que são divulgados produtos, serviços e outros assuntos que possam interessar a um público.

Mas quando se fala em estratégias de marketing, é natural pensar nas empresas. Dificilmente, se você tocar nesse assunto com alguém, essa pessoa vai pensar no esporte ou em um time qualquer.

Fazer marketing está atrelado às organizações, mas ele não serve apenas para vender produtos e serviços, pelo contrário: é uma forma de promover muitas outras coisas, e o esporte é uma delas.

Para entender um pouco mais sobre o assunto, neste artigo, vamos explicar o conceito de marketing esportivo, falar um pouco sobre a sua importância, além de mostrar as principais tendências trazidas por ele.

Entendendo o conceito de marketing esportivo

Antes de entender o que é marketing esportivo, primeiro é fundamental compreender o significado de marketing. Trata-se de um conjunto de estratégias que produzem e entregam uma demanda para o mercado e geram lucros por enxergar essa demanda.

É justamente com base nesse processo que o marketing entra em ação com um conjunto extenso de ferramentas, usadas para promover produtos e serviços necessários no mercado.

Ou seja, quando um fabricante de torno CNC horizontal cria campanhas de marketing, é porque existem demandas para esse produto.

O marketing esportivo, por sua vez, é uma das vertentes do marketing e sua função é gerar oportunidades de negócios dentro desse mercado.

Em outras palavras, ele envolve a criação e execução de estratégias que envolvem tudo o que existe no setor esportivo, como:

  • Marcas;
  • Times;
  • Clubes;
  • Atletas;
  • Personalidades;
  • Equipamentos.

Essas ações são fundamentais para o universo esportivo, da mesma forma como o marketing de maneira geral é crucial para as empresas.

Importância do marketing esportivo

O marketing esportivo utiliza elementos como a paixão pelo esporte, a emoção e a competição para fazer campanhas.

Ele se apropria das atividades dos atletas e clubes, agindo como uma ferramenta potente que ajuda os envolvidos a se comunicarem com o público e a divulgarem seus produtos e serviços.

No Brasil, existem muitos exemplos desse tipo de prática, como um fabricante de manta microfibra queen preta estampar seu nome e logotipo na camisa dos jogadores, para expor o patrocínio.

Embora seja uma promoção bastante simples, costuma gerar excelentes retornos para as marcas, mesmo porque patrocinar atletas e equipes é uma forma de gerar recursos para melhorar os resultados, recordes e conquistas.

Contudo, é fundamental que exista um bom planejamento por trás, pois é assim que a empresa vai conseguir se destacar e se mostrar como socialmente responsável, algo muito importante do ponto de vista dos consumidores.

Tendências do marketing esportivo

Assim como acontece com vários outros tipos de marketing, o marketing esportivo também tem suas tendências, que ajudam a definir estratégias e colaboram com as tomadas de decisão, e as principais são:

1 – Promover programas de sócio-torcedor

Os programas de sócio-torcedor passaram um tempo estagnados, e isso gerou impactos negativos para os recursos financeiros dos clubes.

Mas, ultimamente, eles vêm sendo fortalecidos e se tornaram uma das principais tendências desse tipo de marketing,

O foco é desenvolver novos programas de ações para fortalecer o relacionamento entre o torcedor e o time, o que ajuda a engajá-lo e fidelizá-lo. Entretanto, para alcançar esse resultado, são oferecidas algumas comodidades e benefícios exclusivos.

2 – Realidade virtual

A realidade virtual é um recurso que vem sendo usado por empresas dos mais variados setores, como uma de locação de multifuncional.

Isso acontece porque ela se tornou uma ferramenta que mudou a indústria publicitária, pois ao invés de interromper os consumidores com anúncios, oferece experiências interativas que chamam a atenção das pessoas.

Dentro do marketing esportivo, torna o momento mais emocionante e marcante para o torcedor. Por exemplo, é possível levar o público para uma réplica de um estádio de futebol ou permitir que joguem uma partida, sem nem mesmo saírem do assento.

3 – Patrocinar equipes femininas

As mulheres estão cada vez mais apaixonadas pelo esporte e não é possível ignorar esse fato, pelo contrário, uma das maiores tendências do marketing esportivo é incluir as mulheres nas ações.

Existem muitas atletas femininas que se destacam e se tornam embaixadoras de grandes marcas. Uma empresa de armazenagem de alimentos perecíveis pode fazer uma parceria com uma dessas atletas para apoiar seu trabalho.

Ao mesmo tempo, consegue promover sua marca, mas as vantagens não param por aí. Essa tendência também ajuda a destacar os desafios que mulheres de certos países e religiões enfrentam para se tornar atletas.

Esse tipo de campanha comove o público e ajuda a lançar no mercado produtos e serviços que serão bem recebidos.

4 – Associar-se com causas sociais

O esporte não é apenas competição, ou seja, ele não acontece apenas em campos, quadras, arenas, piscinas e outros ambientes. Na verdade, é uma forma de trazer mais qualidade de vida e saúde para as pessoas, principalmente populações carentes.

Os atletas e entidades do setor esportivo são cada vez mais importantes, independentemente de sua modalidade.

São pessoas vistas como exemplos e que ajudam a formar o caráter de outros indivíduos, principalmente das crianças.

Por conta disso, um fabricante de mesa para escritório plataforma 4 lugares que queira investir em marketing esportivo pode se envolver com causas sociais.

O futebol é uma modalidade que incentiva várias ações, como doação de sangue, promoção do esporte em comunidades, dentre outras iniciativas que fazem a diferença na vida de muitas pessoas.

As empresas podem participar e até mesmo iniciar esses projetos em parceria com atletas e times, o que faz toda a diferença para os negócios.

5 – Campanhas nas redes sociais

As redes sociais são verdadeiras aliadas do marketing digital e precisam fazer parte do planejamento de qualquer negócio, mas elas também são ótimas opções para o marketing esportivo.

Tanto é que cada vez mais surgem oportunidades dentro delas, por isso, os clubes comercializam espaços em suas publicações e transmissões ao vivo, de modo a gerar engajamento, aumentar a interação do torcedor e se aproximar do público.

Unindo marketing esportivo e marketing digital

Já que falamos das redes sociais anteriormente e o fato de serem usadas por todo tipo de empresa, desde um fabricante de estrutura metálica para garagem até um time de futebol, vale a pena abordar um pouco sobre a união de marketing esportivo e digital.

A tecnologia vem avançando rapidamente e influencia diferentes segmentos do mercado, o que inclui nesse conjunto as marcas esportivas.

Quando os canais digitais são bem divulgados, ajudam a visualizar campanhas e alcançam escala internacional em pouco tempo.

Uma dica é usar dados para encontrar equipes competitivas ou marcar presença nas redes sociais para aumentar o engajamento dos torcedores.

A construção desse tipo de diálogo ajuda a entender as preferências dos apreciadores, informações fundamentais para os patrocinadores, como uma empresa de aluguel de caçamba pequena.

Não são só as companhias que saem ganhando, mas também os atletas de clubes que precisam e desejam manter a competitividade de seus nomes.

Mas para unir essas duas vertentes do marketing, os profissionais precisam verificar e interpretar registros de ações dentro desse mercado para compreender seus modelos.

Também precisam ver quais foram as estratégias utilizadas e as experiências que proporcionaram ao mercado, a fim de propor práticas mas fundamentadas.

Profissionais precisam averiguar o que o mercado diz, para que possam escolher atletas que influenciam o ambiente esportivo e que ao mesmo tempo correspondam à demanda de informações do público da empresa.

Uma escolha correta é a melhor forma de aprimorar a gestão de marketing e trazer os resultados propostos com patrocínios e outros métodos.

Por fim, dentro do marketing esportivo, os profissionais também precisam propor modelos de gestão, apresentar propostas correspondentes a cada contexto, além de ajudar a aperfeiçoar as práticas.

Considerações finais

Todo tipo de empresa, como uma de automação hidráulica industrial, pode investir em marketing esportivo, apoiando times e atletas. Aliás, estes também podem usufruir dessas práticas para se aproximar dos torcedores e aumentar seu engajamento.

Existem várias ações que podem ser colocadas em prática, mas as tendências que mostramos aqui são as mais executadas por empresas de diferentes segmentos. Elas promovem o esporte e as organizações, além de beneficiar a sociedade.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

anuncio patrocinado
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui