Saiba os benefícios para empresas e residências em gerar sua própria energia

Especialistas apontam a possibilidade de reduzir entre 70% a 95% os gastos na conta de luz

Crédito: @sophosengenharia

A geração de energia própria pode vir de geradores, que possuem como princípio, a queima de combustível fóssil, a saber, o diesel; como também pode ser produzida pela energia solar por meio da captação da luz do sol pelos módulos fotovoltaicos. Essa, por sua vez, é uma energia considerada limpa.

Segundo o engenheiro civil Darci Noboro Inonhe, idealizador da Sophos Engenharia e Consultoria, a instalação dos módulos solares fotovoltaicos contribui tanto para com o meio ambiente, pois reduzem a emissão de CO2, quanto para com o “bolso” do consumidor, pois ao produzir a sua própria energia, ele gerará créditos que serão abatidos da sua conta (considerando o uso da energia da concessionária à noite ou em dias muito nublados e chuvosos).

“É possível reduzir entre 70% a 95% os gastos na conta de luz, mas isso dependerá da localização e da incidência de sol nesta propriedade”, comenta Darci.

O investimento para implementação depende do consumo de cada propriedade e da localização do imóvel. Uma propriedade em que o consumo anual médio seja de 500 Kwh precisará instalar em torno de oito módulos solares fotovoltaicos e investirá aproximadamente R$25.000,00 e o retorno do investimento (payback) levará mais ou menos quatro anos. Até o presente momento, as residências correspondem ao grupo que mais tem optado por esse tipo de energia.

Os módulos solares fotovoltaicos não emitem CO2, portanto, não contribuem com o aquecimento global, situação que vem preocupando cientistas e governos ao redor do mundo. A energia solar é limpa e renovável, não gera poluição sonora e não utiliza matérias-primas escassas na natureza.

“Além disso, quando pensamos em Brasil, vale ressaltar que muitas vezes usamos a energia proveniente das usinas termoelétricas, pois dependemos do regime de chuvas e quando elas escasseiam os reservatórios que alimentam as usinas hidrelétricas ficam em níveis preocupantes, exigindo racionamento de água e luz pelos consumidores, o que, por sua vez,  também leva ao encarecimento da conta de consumo”, finaliza o engenheiro.

Sophos Eng. e Consultoria

Instagram: @sophosengenharia

Rua Rogério Giorgi, 179 – Vila Carrão

Site: www.sophosengenharia.com.br

anuncio patrocinado
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui