Máquinas de corte e solda podem ter causado incêndio em restaurante

Em menos de dez minutos, as chamas consumiram toda a área externa do estabelecimento . Segundo testemunhas, uma máquina de solda era utilizada pouco antes de o fogo ter início

 

O incêndio que atingiu o restaurante e pizzaria Fornassa, em Águas Claras, no início da tarde desta quarta-feira (1°/6), teria sido causado por faíscas de um disco de corte. As chamas consumiram toda a parte externa do estabelecimento, que era de palha, em menos de 10 minutos.

O Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) foi acionado por volta das 12h40 e trabalhou para preservar a área da cozinha, uma vez que no local há cilindros de gás de cozinha e um depósito de álcool em gel.

Testemunhas também relataram ao Correio e ao CBMDF que máquinas de solda poderiam ter causado o incêndio. No entanto, o tenente Fábio Ribeiro, comandante da operação, apontou que só será possível afirmar a causa depois do laudo pericial, que deve sair em até 30 dias. No momento do incêndio, não havia funcionários dentro do restaurante.

A enfermeira Mariana Garcia, 43 anos, disse que passou pelo restaurante por volta das 11h e viu indícios de obras. “Eles estavam retirando algumas coifas, parecia que iam fazer alguma obra”, relatou. Um outro morador, que preferiu não se identificar, afirmou que trabalhadores estavam serrando barras de ferro no estabelecimento. “Era com aquele disco de corte. Solta algumas faíscas e o restaurante é todo de palha. Quando tomou conta, foi muito rápido.”

Dono do restaurante, Juliano Suanno estava muito abalado e não quis falar com a imprensa. No entanto, o advogado do proprietário, Thiago Porte Mól, negou a possibilidade de haver qualquer movimentação dentro do local. “O restaurante é novo. Não tem nem necessidade de qualquer obra. Vamos aguardar a perícia para saber que providências tomar”, afirmou.

anuncio patrocinado
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui