Cientistas descobrem ecossistema sob camada de gelo da Antártica; entenda

A espécie encontrada vivendo sob a maior plataforma de gelo do mundo está no mesmo táxon dos camarões, lagostas e caranguejos

 

 

Um grupo de cientistas da Nova Zelândia que explorava uma grossa camada de gelo na Antártica, descobriu um novo ecossistema, com espécies de animais vivendo em um rio de água doce.

Em meio a uma pesquisa que investigava as consequências das mudanças climáticas na região, a equipe precisou perfurar uma camada da plataforma de gelo Ross, e acabou encontrando um grupo inédito de animais.

A espécie encontrada vivendo sob a maior plataforma de gelo do mundo, com 487 mil km² de extensão, está no mesmo táxon dos camarões, lagostas e caranguejos e mede cerca de 5 milímetros.

O cientista do Instituto Nacional de Água e Atmosfera da Nova Zelândia, (NIWA, na sigla em inglês), Craig Stevens, revelou ao jornal britânico The Guardian, que a equipe pensou inicialmente se tratar de um erro.

“Pensamos que havia algo errado com a câmera, mas quando o foco melhorou, percebemos um cardume de pequenos artrópodes”, contou.

“Estamos extremamente felizes com a descoberta”, afirmou. “Ter todos esses animais nadando em volta do nosso equipamento significa que existe um importante ecossistema aqui”.

De acordo com o líder da pesquisa, Huw Horgan, a extensa rede de rios de água doce sob as plataformas de gelo na Antártica já era conhecida pela ciência, mas ainda não havia sido investigada.

“Observar este rio foi como ser o primeiro a entrar em um mundo oculto”, celebrou o cientista.

anuncio patrocinado
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui