Ir a feiras também é um passeio cultural. Projeto leva música e poesia a seis [feiras] de três RA’s

Com fomento do FAC – Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal, seis feiras permanentes de três Regiões Administrativas recebem nova edição do:

Repente na Feira

Tradicional evento de circulação, leva novamente a arte oral da Cantoria de Repente e versos da Poesia de Cordel para comunidades do DF

Apresentar cultura popular onde o povo está, esta é a principal proposta do Repente na Feira, que há cinco anos leva repentistas e cordelista para espaços de grande movimentação. Fora dos eixos do Plano-Piloto, o Repente na Feira vai de encontro aos moradores de regiões cujo acesso às manifestações artísticas é restrito.

“Nosso desejo com o Repente na Feira, sempre foi o de democratização cultural e formação de público para as artes, já que nessas localidades moram famílias que não têm condições financeiras e perfil social para acompanhar eventos de ingresso com valor alto”, ressalta Chico de Assis, idealizador do projeto.

A circulação tem início dia 22 de maio com passagens por Samambaia, Guariroba e Setor O, em Ceilândia, e Cidade Estrutural. Em cada localidade, ícones da poesia nordestina se apresentam, entre eles o repentista potiguar Chico de Assis e o poeta cordelista e escritor pernambucano Donzílio Luiz de Oliveira, ambos moradores de Ceilândia. Nas apresentações de Repente, Chico fará dupla com outros dois mestres dessa arte. Ora com João Santana, ora com Valdenor de Almeida, intercalando entre uma feira e outra.

Nas apresentações, os repentistas cantarão temas indicados pela plateia e outros como saúde, meio ambiente e mercado de trabalho. Chico de Assis também declamará poemas matutos sobre o jeito de ser do sertanejo e a vida do brasileiro.

Com mais de 30 estilos, entre métricas e formas de construção poética diferentes, em cada encontro com o público das feiras, serão divulgadas de modo didático as várias modalidades do gênero de Repente, como sextilhas; galope à beira-mar; coqueiro da Bahia; voa sabiá; Brasil de mãe preta; martelo alagoano e outras.

Programação Repente na Feira

 

22 de maio, às 10h, na Feira Permanente da 202, em Samambaia

28 de maio, às 10h, na Feira Permanente da Cidade Estrutural

29 de maio, às 09h, na Feira Livre da Cidade Estrutural

19 de junho, às 10h, na Feira Permanente do Setor O, em Ceilândia

26 de junho, às 10h, na Feira Permanente da Guariroba, em Ceilândia

Dia e horário ainda a serem definidos, na Feira Permanente da 210, em Samambaia

anuncio patrocinado
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui