Encontrar profissionais qualificados para T.I. é um grande desafio

São Paulo, SP 27/1/2022 – Segundo relatório da Robert Half, 32% dos CIOs citam desenvolvedores entre os três profissionais de tecnologia mais difíceis de encontrar.

Não é novidade que o mercado de trabalho de T.I. está em alta e atrai muitos profissionais. Segundo o Guia Salarial 2022 da Robert Half – estudo que apresenta os setores com maior demanda, habilidades requisitadas e as principais tendências de recrutamento – 63% dos diretores de tecnologia da informação (CIOs) acreditam que será mais difícil encontrar profissionais qualificados para o setor de T.I. em 2022.

As habilidades técnicas mais demandadas pelas empresas de tecnologia e startups são Java, .Net, Phyton, React, Angular, Vue.js, Javascript, HTML, Kotlin, Flutter, Swift. O relatório ainda aponta que 32% dos CIOs citam desenvolvedores entre os três profissionais de tecnologia mais difíceis de encontrar.

Existem vários caminhos para entrar no mercado de tecnologia. Uma das opções é cursar um bacharelado em T.I. O curso de Sistemas de Informação, por exemplo, transita entre vários setores da área que envolve desde a gestão de T.I até a disponibilidade de dados. Outra alternativa é se qualificar como engenheiro especializado na área da T.I. A Engenharia de Computação é o ramo que aplica os conhecimentos da tecnologia para desenvolver soluções programáveis. Já a Engenharia Mecatrônica combina sistemas, mecânica, eletrônica e computação para projetar e desenvolver máquinas eletromecânicas e está fortemente ligada à automação industrial.

Outra porta de entrada pode ser uma graduação tecnóloga, que é voltada para o mercado de trabalho. Os cursos são mais práticos e realizam muitos projetos em laboratórios que simulam problemas reais, para que se alcance uma formação específica. Eles são mais curtos (entre dois e três anos de duração), pois focam somente em determinado campo do saber.

Os cursos tecnólogos contemplam a formação em áreas mais tradicionais como Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Banco de Dados, Defesa Cibernética, Gestão de T.I., Redes de Computadores e Sistemas para Internet. Além das opções clássicas, também há cursos que preparam o profissional para atuar em áreas mais inovadoras do mercado, como por exemplo: Jogos Digitais, Produção Multimídia, Computação em Nuvem e Inteligência Artificial.

É possível ingressar em uma faculdade ainda em 2022. O Centro Universitário FIAP, por exemplo, está com as inscrições para o vestibular abertas até 3 de fevereiro.

Website: https://www.fiap.com.br/graduacao/vestibular/

anuncio patrocinado
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui