Um falso Pastor foi preso por estelionato amoroso e um mega golpe de R$ 150 mil

PCDF prendeu um homem que se apresentava como pastor, sendo suspeito de ter praticado fraudes por 16 vezes contra diversas vítimas

 

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), por meio da 14ª DP (Gama), desarticulou um esquema criminoso de estelionato e prendeu um homem, identificado como João Evangelista. Ele se apresentava como pastor evangélico e é suspeito de ter praticado fraudes por pelos menos 16 vezes contra diversas vítimas. A operação, denominada de Falso Profeta, foi deflagrada nesta terça-feira (25/6).

De acordo com a investigação, João utilizava diferentes métodos para enganar suas vítimas, destacando-se em negociações fraudulentas de veículos e lotes, além de praticar estelionato sentimental. Em algumas ocasiões, o suspeito manipulava emocionalmente mulheres, que acreditavam estar em relacionamento, para obter vantagens financeiras.

O homem se identificava como pastor, utilizando a credibilidade e confiança associadas a essa posição, para reduzir o alerta das vítimas e facilitar a consumação das fraudes. Para a PCDF, os crimes indicam um alto grau de planejamento e execução, aumentando a dificuldade para as vítimas percebessem o golpe a tempo de evitar prejuízos. Apenas no último golpe, o suspeito lucrou, de forma fraudulenta, cerca de R$ 150 mil.

anúncios patrocinados
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.