Você já observou a cor do seu xixi? Cor da urina pode indicar doenças renais

0

A cor do xixi pode falar muito sobre sua saúde e é bom estar atento a algumas alterações que podemos reconhecer só de olhar para ele, especialmente se o vaso sanitário for branco. É por meio da cor da nossa urina que conseguimos ter uma ideia de como está nossa alimentação e podemos também identificar algumas possíveis doenças. O corpo tende a expulsar o que não nos faz bem, ou seja, tudo é repelido porque não deve estar ali.  É importante ressaltar ainda que normalmente eliminamos pela urina várias toxinas e excesso de minerais. A tonalidade do líquido pode mudar com o uso de alguns remédios e alimentos, por isso sua cor pode nos dar pistas de algo que está acontecendo lá dentro. Algumas doenças podem alterar a cor e o cheiro da urina, causar dor ao urinar entre outros sintomas.  Fique atento às mudanças de cor e aspecto da urina e veja o que essas alterações podem indicar:

Urina bem clara: Pode ser sinal de que você está tomando água em excesso. Ao contrário do que se pensa, a ingestão exagerada de líquidos também pode ser prejudicial ao organismo, pois sobrecarrega os rins e causa perda de sais minerais, edema, sonolência e mal-estar;

Amarelo-claro: Esta é a cor ideal da urina;

Amarelo-escuro: É considerada normal, porém indica que a urina está concentrada e que você  precisa ingerir mais água;

Âmbar ou mel: Pode ser sinal de desidratação. É importante beber mais água;

Laranja: Pode indicar falta de água ou a presença de pigmentos de alimentos. Se a coloração persistir, pode ser sinal de problemas no fígado ou na vesícula. É importante consultar um médico e realizar exames para descartar qualquer complicação;

Com presença de espuma ou efervescente: Se o sinal persistir, pode significar excesso de proteína ou problema renal. Consulte um nefrologista;

Rosa ou avermelhada: Se o sinal for persistente, pode indicar problemas no fígado, rim, próstata, infecção ou ainda algum tumor;

Acastanhada: Indica desidratação severa ou problemas no fígado;

Azulada ou esverdeada: O pigmento pode ser oriundo de algum alimento ou medicação ingeridos ou ainda ser sinal de uma infecção bacteriana.

Na dúvida, busque ajuda médica

Enfim, prestar atenção na cor da urina deve ser um hábito simples que pode prevenir que doenças evoluam sem diagnóstico. E os nefrologistas recomendam que, sempre que possível, o vaso sanitário seja claro, de forma a permitir que pequenas alterações possam ser notadas. Beber bastante líquido também é uma recomendação universal, a menos que o indivíduo esteja em tratamento de insuficiência renal. O certo é que urinemos cerca de 2,0 a 2,5 litros de xixi ao dia, de cor amarelo clara, sem cheiro forte e sem dor. Fique de olho! A qualquer dúvida, procure seu médico. Um exame de urina simples pode trazer muitas informações importantes a um custo baixo e sem qualquer incômodo na coleta.

SERVIÇO:

Amanda Bienna – Nutrição

CRN/DF – 116032

Clínica Bonum Vitae

SEPS 709/909 Bloco A Sala 126 – Centro Médico Júlio Adnet Asa Sul – Brasília/DF

Tel: (61) 3443-0237

Whatsapp: (61) 99260-9505

anuncio patrocinado
Anunciando...