Homem é preso suspeito de agredir criança de 1 ano

0

Menina foi levada ao hospital e apresentava sinais de violência pelo corpo. Conselho Tutelar acionou a polícia, e investigadores apuram se vítima foi queimada com cigarro. Suspeito é padrasto da criança

 

Um homem foi preso suspeito de agredir fisicamente uma menina de 1 ano e oito meses, em Santa Maria. O Conselho Tutelar da região administrativa informou à 20ª Delegacia de Polícia (Gama) que a criança havia sido levada para o hospital e apresentava sinais de violência. Na sequência, os agentes repassaram as informações à equipe da 33ª DP (Santa Maria), que investiga o caso.

O delegado cartorário da 33ª DP, Paulo Roberto Galindo, afirma que os policiais conseguiram contatar uma testemunha que conhecia o casal responsável pela criança. “A depoente informou que, no domingo (19/9), ouviu, por duas vezes, barulhos de tapas e palmadas. O autor seria o padrasto da criança. A criança teria chorado, e a mãe, reclamado dessas agressões, pedindo para que ele parasse”, detalhou o policial.

A criança foi encaminhada ao Instituto de Medicina Legal (IML), onde ficou constatado que, realmente, ela sofreu lesões compatíveis com agressões físicas. “Também encaminhamos a mãe da criança, que tem 17 anos, à DCA (Delegacia da Criança e do Adolescente). Lá, ela revelou que, de fato, o padrasto havia agredido a criança com tapas. Ela não tinha prestado depoimento na 20ª DP, possivelmente, por medo do companheiro”, acrescentou Paulo Galindo.

Agora, policiais apuram se o suspeito, um jovem de 24 anos, teria queimado o corpo da vítima com cigarro. O suspeito foi detido em flagrante na terça-feira (21/9). No entanto, durante audiência de custódia, a prisão foi convertida em preventiva.

anuncio patrocinado
Anunciando...