Cuidados básicos para quem pretende ter um gato em casa

0

 

Ao adotar um gato, o dono precisa entender que cuidar dele não se resume a alimentá-lo adequadamente e levá-lo com frequência ao veterinário. É preciso que a sua casa, que passará a ser o lar dele também, esteja devidamente equipada para que o pet possa viver com conforto.

 

Entre os itens que você precisa ter estão o arranhador, um acessório funcional, que serve para que o animal afie suas unhas, e a caixa transportadora. Se você está em dúvida sobre o que é preciso ter em casa, não se preocupe. Abaixo, veja quais são os itens essenciais.

Comedouros e bebedouros

Trata-se de dois dos itens mais importantes para se ter um gato em casa. Os pets se alimentam várias vezes por dia e também se hidratam bastante. Dessa forma, é preciso comprar vasilhas para colocar tanto água quanto a ração do felino, além de ficar atento para se certificar de que há sempre água disponível.

Para a ração, a recomendação é que você compre recipientes laváveis. Evite os modelos de plástico e, se possível, opte por aqueles de aço inox, que não quebrarão se caírem de um lugar alto. A escolha dos itens também deve levar em consideração o porte do gato, permitindo que ele possa comer e beber sem tocar os “bigodes” na borda, já que isso o deixa irritado.

Em relação ao bebedouro, você pode comprar um pote convencional, utilizando os mesmos parâmetros para a vasilha de ração. Mas se você desejar estimular a hidratação do seu companheiro, o ideal é comprar um bebedouro-fonte: os gatos adoram água corrente e ter uma delas em sua casa fará com que ele beba ainda mais.

Caixa de areia

É na caixa de areia que os gatos fazem as suas necessidades. Assim, é fundamental que você tenha uma delas em casa, garantindo um espaço para que eles possam se aliviar. Eles tendem a preferir caixas descobertas e elas devem ser baixas, facilitando a entrada e saída do animal.

 

Outra recomendação importante é que a caixa de areia deve ficar longe dos potes de ração e água do animal. Lembre-se de que é necessário limpar o local com frequência, impedindo o acúmulo de fezes. Para fazer isso, use luvas descartáveis e um saco plástico, colocando os dejetos no lixo em seguida.

Caminha

Cada gato terá a sua própria preferência para ter um canto de repouso, sendo comum ter mais de um local para descansar. No mercado, existe uma variedade de caminhas confortáveis. Selecione uma que seja adequada para o tamanho do seu pet.

 

No entanto, a presença da cama não é garantia de que ele irá utilizá-la. Ele também gosta de ficar em locais cobertos e altos, nos quais se sente mais seguro e pode observar tudo ao redor.

Arranhadores

Outro item que não pode faltar em uma casa com gato são os arranhadores. É o objeto onde ele afia suas unhas e, caso você não o tenha, pode ter certeza de que o pet fará isso nos seus móveis, cortinas, estantes e outros objetos.

 

Posicione o arranhador em um local bastante visível em sua casa, em um cômodo ao qual o gato tenha fácil acesso e utilize com frequência. O objeto também deve ser alto e estável, capaz de suportar o peso do animal quando ele se esticar. Se você perceber que ele não quer utilizá-lo, pode então comprar alguma erva de gato ou guloseima para atraí-lo.

Redes de proteção nas janelas

Para garantir a integridade física do seu animal, é essencial que você providencie redes de proteção nas janelas de sua residência, principalmente se mora em apartamento. Naturalmente, os gatos gostam de investigar os arredores, sendo comum que eles saiam de casa para passear pela vizinhança.

 

Por mais que esses animais sejam conhecidos por serem ágeis, equilibristas e caírem em pé, no geral, muitos fatores influenciam na força de impacto. Quanto maior for a altura, maior o risco do gato se machucar. Com redes de proteção na janela, você impede que o pet se exponha de maneira desnecessária.

Transporte felino

Esse é um item muito importante e útil na sua convivência com um gato. Ele pode ser utilizado para levar o bichano ao veterinário, além de viagens ou mudanças. O material da caixa deve ser de plástico rígido e, preferencialmente, desmontável, tornando mais prático seu transporte e higienização.

 

É verdade que colocar o gato dentro desse transporte não é uma tarefa fácil. Para acostumá-lo com a caixa, coloque cobertores macios em seu interior e transforme ela em uma das caminhas dele em sua casa. Também coloque brinquedos e algumas guloseimas dentro, isso fará com que ele se sinta confortável.

anuncio patrocinado
Anunciando...