Brasília recebe Festival MOVA no próximo fim de semana

Evento acontece nos dias 4 e 5 de junho no bosque atrás da Arena BRB Nilson Nelson e conta com atrações de peso como Maria Gadu e Marcelo Jeneci, além de nomes importantes da música local como Hamilton de Holanda e Saci Wère

 

O Festival MOVA está prestes a aterrissar na capital. De volta a Brasília após 2 anos, o evento marca a volta dos grandes festivais ao calendário cultural do DF. Com um time de atrações que mescla renomados nomes da nova MPB com artistas locais de expressão, o MOVA ocorre no bosque atrás da Arena BRB Nilson Nelson nos dias 4 e 5 de junho, próximo fim de semana.  Os ingressos estão no 3º lote e custam a partir de R$90, para cada dia de evento, com a doação de 1kg de alimento não perecível. As vendas acontecem no site Sympla.

O MOVA traz na Semana Mundial do Meio Ambiente artistas consagrados da música brasileira como Maria Gadú, fiel defensora dos povos originários, Marcelo Jeneci, Ana Canãs, que cantará Belchior, e Hamilton de Holanda que terá ao seu lado o aclamado Mestrinho. “Estou chegando com o meu tributo ao Belchior, esse artista cearense tão importante para a música brasileira, num show com a banda completa. Estou ansiosa para esse evento, tenho certeza de que será mágico”, conta Ana Canãs.

Além desses nomes consagrados, os entusiastas da música local também podem se alegrar. O evento abre espaço para artistas da capital, entre eles, o Bloco Divinas Tetas, a Orquestra Quadrafônica e a Capivara Brass Band, entre muitos outros que se apresentarão em dois espaços: Palco MOVA BRASAL e Palco MOVA SABIN. Metade das atrações do Festival tem suas raízes no DF. “É um prazer participar do Festival MOVA, que está reunindo tantos artistas importantes da música brasiliense e nacional. Um honra tocar ao lado de músicos com carreiras incríveis”, diz Juliano Correa, DJ e Maestro da Orquestra Quadrafônica.

 

“Quando fundamos o Festival MOVA, em 2017, a ideia era criar um espaço de circulação e oxigenação para nova música brasileira, onde artistas locais e nacionais pudessem se relacionar.  Preparamos para essa volta um line up incrível, de renome nacional, mas fizemos questão de manter a essência inicial, de incentivo e fomento a artistas locais”, conta Flávio Delli, organizador e fundador do Festival MOVA.

 

Marcelo Jeneci, uma das atrações principais do Festival, fala sobre a sua ansiedade de encontrar com o público brasiliense. “O corpo levanta e o espírito anda… No MOVA, faremos um show repleto de sucessos, para  nutrir nosso reencontro de dança e reflexão! Show animado! Venham querendo pois a gente quer mais ainda!”, explica o artista, que trará para Brasília a sua nova turnê do show “Solo”. 

 

Inclusão social

O Festival quer garantir que todas as pessoas se divirtam e, para isso, traz medidas que vão auxiliar as Pessoas com Deficiência – PcD que compareçam no MOVA. Dentro do espaço do circuito, haverão monitores para ajudar e prestar informações ao público, além de intérpretes da Lingua Brasileira de Sinais – Libras, presente em ambos os palcos, em todas as apresentações.

 

Festival MOVA

O Festival MOVA teve sua primeira edição realizada em 2017, fruto do sonho de 2 músicos de Brasília, a fim de proporcionar uma plataforma que desse voz e visibilidade nacional para artistas da cidade por meio do intercâmbio com artistas consagrados da Nova Música Popular Brasileira. O evento é desenvolvido por artistas e produtores que buscam se expressar por meio da arte e da cultura, como uma interseção entre diversas gerações, vertentes e ritmos. Já passaram pelo palco do MOVA artistas consagrados como Tiê, Silva, Ana Vilela e Roberta Campos.

O evento tem apoio da MedSênior, que promove entretenimento por meio de projetos culturais, fortalecendo os vínculos intergeracionais, saúde e bem-estar. Momentos de lazer são essenciais para alcançar qualidade de vida e, por meio deles, é possível aumentar a nossa rede de relacionamentos e nossas conexões sociais. Neste sentido, cultura e entretenimento estão diretamente relacionados ao estado de bem-estar que tanto buscamos, com o objetivo de propiciar um envelhecimento saudável, que é o propósito da MedSênior”, afirma Maely Coelho, diretor-presidente da empresa.

 

O MOVA ganhou um novo porte, com a entrada de novos sócios, Caio Chaim e Raoni Leão, que acreditaram no conceito, colocando-o como um dos maiores festivais de música brasileira realizados no DF. Aproveitando a dimensão que o projeto tomou, o MOVA irá agregar novas expressões artísticas para além da música, para fazer da edição de 2022 um marco na história do Festival. Ao lado de Maria Gadú, Marcelo Jeneci, Ana Cañas, Hamilton de Holanda e Mestrinho, estarão promissores e consolidados artistas do DF da música, das artes cênicas e das artes visuais.

 

Serviço: 

Festival MOVA

 

Data: 4 e 5 de junho de 2022

Horários:

Sábado dia 04/06 – Abertura dos portões às 16h e encerramento às 2h.

Domingo dia 05/06 – Abertura dos portões às 16h e encerramento às 1h30.

Local: Bosque atrás da Arena BRB Nilson Nelson

Ingressos: 3º lote – passaporte (2 dias): R$ 140 meia entrada universal com doação de 1kg de alimento.  ingresso por dia: R$ 90

 

Programação 

 

1º dia de Festival:

PALCO MOVA SABIN

16h ABERTURA DOS PORTÕES

17:30-18:20 CAMARONES ORQUESTRA GUITARRÍSTICA

19:30-20:20 MARCELO JENECI

21:30-22:20 ANA CAÑAS canta BELCHIOR

23:30-00:20 OBMJ

 

PALCO MOVA BRASAL

16h ABERTURA DOS PORTÕES

16:30-17:20 DuoTiFi (part. Flávio Delli)

18:30-19:20 PUTA ROMÂNTICA

20:30-21:20 GAIVOTA NAVES

22:30-23:20 MUNTCHAKO

00:30-01:20 FURMIGA DUB

1:30 FIM

 

2º dia de Festival:

 

PALCO MOVA SABIN

16h00 ABERTURA DOS PORTÕES

17:30-18:20 HAMILTON DE HOLANDA convida MESTRINHO

19:30-20:20 MARIA GADU

21:30-22:50 BLOCO DAS DIVINAS TETAS

0h – 00:50 AMARO FREITAS

PALCO MOVA BRASAL

16h00 ABERTURA DOS PORTÕES

16:30-17:20 CAPIVARA BRASS BAND

18:30-19:20 ORQUESTRA QUADRAFÔNICA

20:30-21:20 SACI WÈRÈ

23:00 – 23:50 FORRÓ RED LIGHT

anuncio patrocinado
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui