Praça dos Três Poderes recebe Performance Flash Mob “Sangue indígena nenhuma gota a mais” – Nesta quarta às 17 horas

0

Mobilização Internacional em solidariedade aos Povos Indígenas

Performance Flash Mob “Sangue indígena nenhuma gota a mais”

25 de agosto (quarta) às 17 horas

Praça dos Três Poderes

 

Fotos e Vídeos: bit.ly/mobpovind

Vídeo: www.youtube.com/watch?v=QDPDJ7AcpZ8

A atividade humana mudou o clima no planeta de uma forma nunca antes vista. Algumas destas mudanças são irreversíveis. Cientistas e ambientalistas de todo planeta nos alertam que nos próximos vinte anos, as temperaturas vão subir acima de todas as metas previstas.

O novo estudo publicado na Science Advances, chegou a conclusão de que neste período, a capacidade da Terra de absorver emissões de carbono cairá pela metade e que estas mudanças climáticas podem acabar com a civilização até 2050. O ano de 2020 foi o mais quente da história na Antártica das últimas três décadas.

Os povos indígenas são os melhores guardiões das Florestas, pois são sua própria extensão, estão em comunhão com os animais, plantas, em equilíbrio perfeito, guiados por sua sabedoria ancestral milenar. As Florestas Tropicais controlam e equilibram o clima no mundo. Sem as florestas e os indígenas, o mundo entrará em um colapso sem volta.

Uma série de políticas anti-indígenas estão sendo implantadas pelo governo Brasileiro, entre elas a A PL 490 e o Marco Temporal, que prevê o cancelamento dos direitos dos povos indígenas, de consulta prévia, sobre o que acontece em seus territórios e também cancela o direito dos Povos Isolados de permanecerem isolados. O fim da demarcação de terras indígenas é, não somente um ataque aos povos indígenas, mas um extermínio da flora e fauna que resistem nesses territórios.

Indignados com esta política, os artistas do Anarko Art Lab (Adriana Varella) & da banda Gojira (Joseph Duplantier) convidam toda comunidade consciente do planeta, além de artistas, ativistas e ambientalistas a participarem desta corrente do bem por mostrarem solidariedade aos Povos Indígenas brasileiros, pressionando o Supremo Tribunal Federal pela não aprovação da tese do Marco Temporal, e contra este pacote de PL’s que suspendem os Direitos Territoriais dos Povos Indígenas.

Em apoio a APIB & Kuñangue Aty Guasu – Grande Assembléia das Mulheres Guarani e Kaiowá, a performance Flash Mob “Sangue indígena nenhuma gota a mais” começa com as anciãs Guarani Kaiowá e termina com os artistas lançando sangue performático, no chão da Praça dos Três Poderes. Cada um em sua posição, mantendo o distanciamento social, limpam este sangue com vassouras e panos de chão, dando um “Basta!” ao derramamento de sangue indígena e repetindo a frase “Sangue indígena, nenhuma gota a mais”.

A ideia é que esta ação também seja replicada em todo planeta, viralizando nas redes sociais e criando uma unidade-ação, em solidariedade aos povos indígenas.

O público pode enviar seu vídeo de apoio, limpando o sangue indígena e dizendo “Basta!”, replicar posts e #’s da campanha em sua mídia social: #inartsolidarity #pl490não #indigenouspeoples

Outra opção é fazer uma doação direta às Organizações Indígenas parceiras. Para colaborar acesse www.kunangue.com e www.apib.com ou escreva para info@kunangue.com.

https://linktr.ee/kunangueatyguasu

Doações através do PIX lutaguaranikaiowa@gmail.com e apiboficial.org

Serviço: Ato:  Performance/Protesto “Sangue indígena nenhuma gota a mais”

Local:  Praça dos Três Poderes (Brasília)

Horário: 25 de agosto de 2021 (quarta) às 17 horas

Artistas Confirmados: Joseph Duplantier (Gojira), Adriana Varella (AnarkoArtLab)

Doações: www.kunangue.com e www.apib.com

 

Redes Sociais: @kunangueatyguasu

@in.art.solidarity

@apiboficial

anuncio patrocinado
Anunciando...