Lula assinou o decreto de Garantia da Lei e da Ordem para portos e aeroportos do RJ e de SP

Medida foi anunciada nesta quarta-feira pelo presidente e vale até maio de 2024

 

O presidente Luiz Inácio Lula da SIlva (PT) assinou, nesta quarta-feira (1º), um decreto de Garantia da Lei e da Ordem (GLO), com validade até maio do ano que vem para os portos do Rio de Janeiro, de Santos (SP) e de Itaguaí (RJ), e para os aeroportos do Galeão, no Rio de Janeiro, e de Guarulhos, em São Paulo. O texto estabelece a criação de uma operação integrada de combate ao crime organizado. A atuação das Forças Armas nos locais com GLO decretada ocorrerá em articulação com a Polícia Federal.

As missões de GLO são realizadas exclusivamente por ordem da Presidência da República, quando as forças tradicionais de segurança pública não são mais capazes de manter a ordem. A GLO concede provisoriamente aos militares autorização para atuar com poder de polícia até o restabelecimento da normalidade.

“Chegou a uma situação muto grave. A violência que temos assistido desagrada a cada dia que passa. Foi preciso tomar uma decisão para que o governo federal participe ativamente, com todo o potencial, para ajudar governos dos estados e o Brasil a se livrar do crime organizado, das quadrilhas e do tráfico de drogas e de armas. Espero que dê certo. A GLO valerá até maio de 2024 e, se for necessario reforçar em mais portos e aeroportos, vamos reforçar”, afirmou Lula.

“Não vamos substituir polícias estaduais”, disse o ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino. “O que estamos fazendo é apoiá-las”.

anúncios patrocinados
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.