Harmonização Facial: dentista comenta técnica que pode ganhar data celebrativa

A Harmonização Orofacial é uma área da odontologia que realiza procedimentos voltados para o equilíbrio estético e funcional da face, conforme a definição da SBTI (Sociedade Brasileira de Toxina Botulínica e Implantes Faciais na Odontologia). Diante da ampla adesão ao procedimento, que conta com o endosso de famosos e influenciadores digitais, vereadores de São Paulo aprovaram um projeto de lei que inclui o Dia da Harmonização Facial no calendário de eventos da cidade.

A aprovação do projeto, de autoria do vereador Isac Félix (PL), ocorreu em uma sessão plenária no dia 25 de maio e deve passar por uma segunda votação. Se for aprovado, o procedimento será lembrado no dia 29 de janeiro. Segundo publicação do Estadão Conteúdo, Félix argumenta que o objetivo é “reconhecer um novo ofício que está surgindo e pode ajudar muitas pessoas”. 

Cirurgiões-dentistas detêm a chancela do CFO (Conselho Federal de Odontologia), além de decisão judicial, para realizar a harmonização com aplicação de toxina botulínica e ácido hialurônico. A técnica tem impulsionado o setor: dados da Sboe (Sociedade Brasileira de Odontologia e Estética) revelam que a odontologia estética avançou 300% nos últimos cinco anos.

Resultado disso, o Brasil foi o país que mais realizou procedimentos na face em 2020, com 483,8 mil intervenções, conforme levantamento divulgado pela Isaps (International Society of Aesthetic Plastic Surgery, na sigla em inglês – Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética, em português) e publicado pelo Jornal o Estado da Paraíba.

A cirurgiã-dentista Dra. Bruna Maria Florenzano Bacelar explica que o procedimento de harmonização facial é feito após a avaliação com o paciente, entendendo e analisando sua principal queixa. Em seguida, é aplicada a melhor técnica para que seja obtido o resultado mais favorável.

“O mercado de harmonização facial é novo e crescente. O setor tem se desenvolvido nos últimos anos, e as novas tecnologias de lifting facial com fios e bioestimuladores de colágeno são ‘a tendência do momento’, ficando apenas atrás da toxina botulínica e dos preenchedores e renovadores celulares a base de ácido hialurônico”, afirma Bacelar.

A especialista conta que os principais resultados do procedimento de harmonização na face do paciente são a diminuição das marcas de expressão, hidratação contínua da pele e dos lábios, diminuição de bigode chinês e olheiras, entre outros benefícios.

Para  a cirurgiã-dentista, a grande vantagem da harmonização facial é que este se trata de um procedimento praticamente indolor, com anestesia local e não precisa internação. “E as mudanças são quase que imediatas”, finaliza Bacelar.

Para mais informações, basta acessar: http://cellularnutrition.com.br/

anuncio patrocinado
Anunciando...