Sesc Avenida Paulista recebe o espetáculo “Fenix” da Clarin Cia de Dança, indicado ao Prêmio APCA 2023

O espetáculo busca quebrar o paradigma de que histórias periféricas estão sempre atreladas à tristeza, à morte ou à tragédia, e exalta a cultura periférica através da alegria. A montagem está indicada ao Prêmio APCA 2023 na categoria “Melhor trilha sonora de espetáculo de dança”.

Clarin Cia de Dança usa o funk e o passinho para retratar a realidade da periferia a partir da alegria

De 25 a 28 de janeiro de 2024, quinta-feira e domingo às 18h, sexta-feira e sábado às 20h, o palco do Sesc Avenida Paulista recebe o mais recente espetáculo da Clarin Cia de Dança (@clarinciadedanca), intitulado “Fênix”. A venda de ingressos está sendo realizada pela Central de Relacionamento Digital, app Credencial Sesc SP (Android e iOS) e nas bilheterias das unidades do Sesc SP.

É possível um espetáculo de funk e passinho que fale somente sobre a alegria de viver? Essa é a premissa de “Fênix”, que pretende mostrar que a alegria, e a anseio pela felicidade, é um combustível de esperança dentro das periferias. O espetáculo busca quebrar o paradigma de que histórias periféricas estão sempre atreladas à tristeza, à morte ou à tragédia.

Em um formato com 13 bailarinos em cena, vindos de diferentes regiões de São Paulo e do Rio de Janeiro, e música ao vivo, “Fênix” é uma celebração da cultura periférica brasileira. O espetáculo está indicado ao Prêmio APCA 2023 (Prêmio da Associação Paulista dos Críticos de Arte) na categoria “Melhor trilha sonora de espetáculo de dança”.

A inspiração para criar uma obra baseada na felicidade vem da repercussão do espetáculo anterior da companhia, “ou 9 ou 80”, cuja temática despertou comentários sobre todo espetáculo periférico falar sobre tristeza e sempre envolver morte.

Consciente da importância dos temas abordados, em “Fênix”, a Clarin Cia de Dança optou por mais uma vez evidenciar o tom político das apresentações, porém sob o viés da alegria, dos sonhos e da exaltação de corpos marginalizados.

O espetáculo é realizado com música ao vivo. A Banda Clarin, com a direção de Alisson Amador e Lucas Brogiolo, executa a trilha sonora do espetáculo acompanhada pelo Dj Seduty, que aborda a crescente da construção do funk e a evolução dos BMP, além de passear pela ancestralidade dos tambores, trazendo novas roupagens para funks conhecidos do grande público.

Sobre a Clarin Cia de Dança

A Clarin Cia. de Dança, criada e dirigida por Kelson Barros, nasce da junção de artistas de origens e experiências diferenciadas como a capoeira, o breaking, ballet, passinho, funk e danças brasileiras. Todas elas aglutinadas ao redor da ideia da experimentação em dança e na cultura popular. Tendo a cultura popular brasileira como uma grande fonte de pesquisa estética e temática para suas criações, a companhia busca trazer questões relevantes à contemporaneidade embasadas na essência do popular, acreditando que a arte de um povo pode ser um instrumento para sua própria transformação social.

Teaser: https://www.youtube.com/watch?v=sQh1GTpTYIo

Ficha Técnica: Direção geral e artística: Kelson Barros.  Criação: Kelson Barros. Intérpretes Criadores: Alissin, Fran Menezes, Iza IDD, Lilian Martins, Lukethy Penedo, Luzinha, Mario MLK Broos, Nega Nay, Pablinho IDD, RD Ritmado, Russin, Weverton Souza e Yoshi Mhroox.  Músicos: Alisson Amador, Alysson Bruno, Dicinho Areias, Eric de Oliveira, Lucas Brogiolo, Marcelo Kurchal, Nissá, Rafael Mansor, Renato Pereira, Vivian Maria e Dj Seduty. Assessoria de Imprensa: Luciana Gandelini. Produtor: Dafne Nascimento. Produção Executiva: Cazumbá Produções Artísticas

Serviço: Espetáculo “Fênix”
Dança| Com Clarin Cia de Dança

Sinopse: Fênix nasce com os sonhos, ressurgindo da tristeza, da morte. Animado, esperançoso e crítico, o espetáculo reflete sobre o que seria a alegria e a esperança dentro das periferias, inspirando a materialização dos anseios de tantas pessoas periféricas, as transformando em reis e rainhas. Uma obra que trabalha com o inesperado de signos periféricos, em uma ligação de tempo, em um olhar que vai do passado ao presente, e que vive em constante mudança. Duração: 60 minutos

Classificação etária: 12 anos.
Capacidade: 60 lugares.
Quando: 25, 26, 27 e 28 de janeiro de 2024 – Horários: quinta-feira e domingo às 18h, sexta-feira e sábado às 20h
Onde: Sesc Avenida Paulista – Arte II – 13° andar – Endereço: Avenida Paulista, 119, São Paulo – Transporte Público: Estação Brigadeiro do Metrô – 350m – Fone: (11) 3170-0800

Ingressos: R$40,00 (inteira), R$20,00 (Meia: estudante, servidor de escola pública, + 60 anos, aposentados e pessoas com deficiência) e R$12,00 (Credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes). Venda a partir de 28/11, às 17h, pela Central de Relacionamento Digital e app Credencial Sesc SP (Android e iOS) e nas bilheterias das unidades do Sesc SP, a partir de 29/11.

Link informações e venda de ingressos: https://www.sescsp.org.br/programacao/fenix/

Horário de funcionamento da unidade: Terça a sexta, das 10h às 21h30 / Sábados, das 10h às 19h30 / Domingos e feriados, das 10h às 18h30.
Horário de funcionamento da bilheteria: Terça a sexta, das 10h às 21h30 /  Sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h30

anúncios patrocinados
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.