Vídeo mostra lutador de jiu-jitsu dando tapa em adolescente em condomínio

Na tarde de sábado, um menino, de 14 anos, foi agredido enquanto brincava com amigos em uma praça de lazer, em Santa Maria. O caso é investigado pela Polícia Civil

 

Vídeo obtido em primeira mão pelo Jornal Correio mostra o momento em que um lutador de jiu-jitsu dá um tapa no rosto de um adolescente, de 14 anos, numa pracinha de lazer do Condomínio Total Ville, na Quadra 301 de Santa Maria. O caso foi revelado pela reportagem, após o pai do menino, Ricardo Alexandre, 46, denunciar a agressão à Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF).

A suposta agressão ocorreu na tarde de sábado (11/6), enquanto o adolescente brincava com outros colegas. O lutador é funcionário público do DF. Nas imagens, é possível ver o momento que ele chega na roda de adolescentes acompanhado da mulher e do filho e, em seguida, agride o menino no rosto.

Em entrevista, Ricardo relatou que recebeu uma ligação do filho em prantos. No telefonema, o menino disse: “Pai, vem aqui. Um cara acabou de me bater”. Ao chegar na quadra, o autônomo se deparou com o suspeito bastante nervoso e, ao questioná-lo sobre a atitude agressiva, o homem respondeu que o menino teria chamado o filho dele de forma pejorativa. “Ele confessou que bateu no meu filho e bateria em mim também”, afirmou.

O adolescente não ficou com as marcas da agressão, mas segundo o pai, está com medo de sair do apartamento e com dificuldades para ir até à escola. Delegada à frente do caso, Cláudia Alcântara, chefe da 33ª Delegacia de Polícia (Santa Maria), afirmou, nessa terça-feira (14/6), que deu oito dias para o Setor de Policiamento Comunitário ouvir os envolvidos e apresentar um relatório. O lutador pode ser indiciado pelos crimes de vias de fato e ameaça.

anuncio patrocinado
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui