Saiba a melhor forma de observar a superlua que aparece nesta terça

O fenômeno ocorreu pela última vez em maio de 2021. Segundo especialista, a lua pode ficar a “apenas” 352 mil km distante de seu observador

Não se assuste, caso você veja a lua um pouco maior do que o normal nesta terça-feira (14/6). Trata-se de um fenômeno conhecido como superlua, que acontece todos os anos, segundo o membro do Clube de Astronomia de Brasília (CAsB) Maciel Sparrenberger.

O especialista explica que o fenômeno nada mais é do que uma lua cheia normal. A diferença no tamanho acontece por causa da órbita do satélite natural. “O perigeu, quando a lua está mais perto da Terra, coincidiu com a fase cheia dela”, comenta. “A lua estará 14% maior do que em seu período de apogeu — quando ela está mais longe do nosso planeta”, destaca Sparrenberger.

Sobre o horário da superlua, Maciel conta que ela deve nascer por volta das 18h. “Isso acontece no período de lua cheia. Ela nasce quando está ocorrendo o pôr do sol”, esclarece. O ápice do fenômeno, segundo o especialista, deve ocorrer próximo das 0h — da madrugada da terça para a quarta-feira (15/6).

A distância da lua para os observadores será de 357 mil km, no momento em que ela nascer. Segundo o membro do CAsB, a menor distância deve ficar em torno de 352 mil km. “Isso varia. A órbita da lua pode ser modificada, às vezes, por conta das interações gravitacionais dela com a Terra”, pondera.

Locais para observar

Maciel Sparrenberger afirma que não existe um local ideal para quem deseja assistir o fenômeno. “Pode ser a Praça do Cruzeiro, o Memorial JK, a beira do Lago Paranoá, a Torre de TV e a Torre Digital. Todos são bons lugares”, considera. “O ideal mesmo é que o horizonte leste do observador esteja livre. Até a janela do apartamento, se ela estiver virada para o leste, pode ser um bom local”, comenta.

Outra dica do membro do clube de astronomia é para o horário das 21h. “Ir para um local escuro (e seguro) e observar o quanto a lua ilumina o ambiente nesse período, pois ela vai estar maior e 30% mais brilhante do que a menor lua cheia (microlua)”, conclui.

Serviço

O quê: Superlua;

Quando: Terça-feira (14/6);

Como: Nasce às 18h, com ápice às 00h.

anuncio patrocinado
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui