Mulher se recusa a usar máscara e é expulsa de metrô em São Paulo

A passageira que impediu que a mulher sem máscara voltasse ao vagão foi aplaudida pelas outras pessoas no local

 

Na última quarta-feira (12/1), uma confusão no metrô na estação Carandiru, no centro de São Paulo, causou a expulsão de uma mulher de dentro do vagão. O motivo: ela estava sem máscara.

As discussões começaram quando uma mulher, que segundo o portal R7 era uma profissional da área de saúde, se irritou com a passageira sem máscara. Elas estavam em lados contrários do vagão quando começaram a brigar.

A passageira da área da saúde chegou a dizer que se sentia desrespeitada pelo fato da outra mulher não estar usando máscara. Outros passageiros tentaram conter a briga mas não tiveram sucesso.

Após discutirem, a mulher de máscara atira pertences da outra passageira para fora do vagão e, quando ela tenta entrar novamente no local, têm sua entrada barrada pela profissional de saúde. Ainda brigando com a mulher, as portas do vagão vão se fechando enquanto ela grita “vai ficar lá fora” e a empurra para fora outra vez.

A atitude foi aplaudida pelos outros passageiros.

Confira o vídeo do momento da expulsão:

https://twitter.com/siteptbr/status/1481664349789904898?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1481664349789904898%7Ctwgr%5E%7Ctwcon%5Es1_&ref_url=https%3A%2F%2Fwww.correiobraziliense.com.br%2Fbrasil%2F2022%2F01%2F4977288-mulher-se-recusa-a-usar-mascara-e-e-expulsa-de-metro-em-sao-paulo.html
anuncio patrocinado
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui