Especialistas debatem como tornar o transporte rodoviário socialmente responsável em cenário preocupante:

 Mortes em acidentes com caminhões representam 47% do total nas rodovias federais

Segundo dados do Anuário Estatístico da Polícia Rodoviária Federal, as mortes em acidentes com caminhões representam 47% do total nas rodovias federais. Somente no ano passado, 853 ocupantes de caminhão morreram em acidentes nas rodovias federais, enquanto nos com caminhões em geral, envolvendo inclusive outros veículos, morreram 2521 pessoas.

Os números trazem preocupação para o setor, que se reúne, nesta quarta-feira, 18 de maio, para debater o atual cenário e quais medidas devem ser tomadas no Seminário Transporte Rodoviário Socialmente Responsável. O evento será realizado na sede do Ministério Público do Trabalho, em Brasília (DF), e conta com a participação de 16 especialistas no tema como o presidente da ABTox, Renato Borges Dias, e Rodolfo Rizzotto, coordenador do SOS Estradas. “Vamos debater boas práticas que possam reduzir essa tragédia nas rodovias brasileiras no transporte de cargas. Ao mesmo tempo, iremos mostrar o custo econômico dos sinistros de trânsito no país, estimado em 4% do PIB, ou seja, cerca de R$ 350 bilhões”, adianta Renato.

Ainda serão debatidos os seguintes temas: as dificuldades enfrentadas pelas autoridades; os desafios da iniciativa privada no transporte rodoviário; boas práticas para evitar acidentes, entre outros.

Os lugares presenciais são restritos devido à pandemia. A imprensa interessada em se credenciar pode entrar em contato com rodolfo@estradas.com.br ou pelo Whatsapp (21) 98162 3857 e falar com Rodolfo Rizzotto, Coordenador do SOS Estradas. Assim como com o MPT através do email: pgt.secom@mpt.mp.br e telefones: (61) 3314-8222 / 3314-8233.
Procuradoria-Geral do Trabalho
Sede – SAUN Quadra 5, Lote C, Torre A – Brasília-D Horário: 9h às 13h

anuncio patrocinado
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui