Após crise de ciúmes filho mata o pai e tira a própria vida

No último domingo (5), Edenílson Diniz, de 27 anos, matou o pai e tirou a própria vida motivado por uma crise de ciúmes

 

No último domingo (5), Edenílson Diniz, de 27 anos, matou o pai e tirou a própria vida motivado por uma crise de ciúmes. O crime aconteceu em Campo Largo, Região Metropolitana de Curitiba.

Segundo relatos dos familiares, Edenílson havia deixado a prisão dois dias antes do crime. E, ao saber que o filho havia chamado o atual companheiro de sua ex-esposa de pai, acabou se descontrolando.

O pai de Edenílson, ao saber da situação, tentou intervir e acabou sendo baleado.

O corpo de José Diniz, de 57 anos, e de Edenílson, foram encontrados dentro da residência já sem vida.

“Quando o pai dele subiu com o intuito de conversar com ele, acabou sendo atingido”, afirmou o tenente Rattman.

Ainda não é possível afirmar que o disparo foi intencional. Mas, o tenente do caso afirmou que Edenílson tentou fugir do local após ter atingido o pai.

“Ele (Edenílson) no intuito de fugir, para evitar a prisão, ele tentou roubar um veículo que passava na rua. Mas o motorista que estava na direção do carro acelerou e ele não conseguiu efetivar o roubo. Acredito eu, que ele se vendo sem opção do que fazer, veio a ceifar a própria vida”, relatou o tenente.

Edenílson já possuía passagem por tráfico de drogas e homicídio.

anuncio patrocinado
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui