A Mulher é torturada pelo ex-marido na frente das filhas em Minas Gerais

O homem foi preso e encaminhado para a Delegacia da Polícia Civil. Já a vítima foi direcionada a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e deixou o imóvel

 

Uma mulher foi torturada pelo ex-marido em frente às duas filhas, segundo informado pela Polícia Militar, em Ipatinga no Vale do Aço.

O homem, que segundo a mulher, a estrangulou enquanto ela dormia, na madrugada desta terça-feira (21/6), foi localizado e preso pelos militares.

A mulher foi encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e saiu da residência.

Os militares afirmaram que a mulher, de 26 anos, acordou à 1h, com o marido apertando seu pescoço com as mãos.

Ao tentar gritar por socorro, foi agredida com tapas para evitar que ela conseguisse pedir socorro.

O tumulto acabou por despertar as crianças, que presenciaram as agressões contra a mãe.

Posteriormente, o homem usou facas, chave de fenda e um caco de espelho para perfurar o corpo da vítima.

Tudo isso intercalado por socos e afirmações de que iria matá-la. Em seguida, pegou uma tesoura para cortar o cabelo da mulher.

As filhas assistiam a tudo, enquanto o homem afirmava que elas deviam ver mesmo e que, após cortar o cabelo, iria decapitar a mulher.

A ação violenta seguiu de 1h às 7h, quando foi alertado por um cúmplice, que vigiava a movimentação do lado de fora da residência, que o dia estava raiando, que alguém havia desconfiado de algo e teria chamado a polícia.

O homem fugiu, mas, antes, disse que voltaria para “terminar o serviço”.

Os militares foram informados que ele estaria na casa da mãe, no mesmo bairro, ao chegarem foram informados que ele havia fugido e o encontraram na região, ele tentou fugir e acabou por invadir uma casa, sendo preso na residência e encaminhado para a Delegacia da Polícia Civil.

anuncio patrocinado
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui