UM MANTRA FEITO PARA DANÇAR: FESTA TEMPESTADE LANÇA “MEXE”, SEGUNDO SINGLE DO DUO

Com lyric video ilustrado, Zé Ferraz e Guilherme Tieppo mostram um lado mais dançante de sua obra

Frame do lyric video de “Mexe”, do Festa Tempestade

 

São Paulo, junho de 2022 – O duo paulistano Festa Tempestade, formado por Zé Ferraz (baixo, violão, vozes, percussão) e Guilherme Tieppo (pianos/sintetizadores, violão/guitarra, vozes, percussão), lança “Mexe”, o segundo single de sua carreira. Com uma sonoridade crua e percussiva, a música se mostra como um mantra dançante desde o segundo inicial. O lyric vídeo, assinado pela dupla, apresenta para o público essa atmosfera.

 

“‘Mexe’ é uma música que expressa muito daquilo que nos inspira e também mostra um lado mais dançante da nossa obra. É como se o Festa Tempestade te convidasse a remexer cintura e sentimentos, encarando as dúvidas da vida de um jeito leve e natural”, diz Zé Ferraz. “É um mantra percussivo que tenta levar o ouvinte a um lugar onde as certezas absolutas se tornam questionáveis e a reflexão passa a ser o principal objetivo. ‘Mexe’ ilustra a busca de uma maior consciência de si mesmo, que muitas vezes é dolorosa”, completa Tieppo.

 

O lyric video

Muito além da música, o Festa Tempestade também tem o cuidado com a estética que envolve o seu projeto. Do figurino à direção de arte, tudo o que é apresentado para o público é conceituado em torno dos estados de Festa e Tempestade vividos pelos artistas diariamente.

 

“Seguindo a estética binária e a estrutura visual que estabelecemos no lyric video de ‘Vale’, no lyric de “Mexe” trouxemos cores e elementos que traduzem a música e conversam com o conceito de Festa Tempestade de uma forma mais sensorial. Por algum motivo, sempre enxergamos esse som através da cor vermelha, talvez pelo aspecto instrumental mais cru ou pelo fato do vermelho sintetizar a energia que o ritmo da música impõe. Nos lados da composição, a luz e a escuridão são representadas de maneira doce e descompromissada através do anjo e do diabo, convidando o espectador a ‘mexer pra lá e pra cá’ os sentimentos inevitáveis”.

 

Assista “Mexe”: https://youtu.be/NNkjV7c

 

FICHA TÉCNICA

Música

Composição: Ferraz/Tieppo

Baixo / Vocal: Zé Ferraz

Piano / Violão / Sintetizadores / Vocal: Guilherme Tieppo (Chimpa)

Percussão: Márcio Brasil, Kainan do Jêje e Citnes Dias (técnico)

Flauta: Daniel Gonçalves

Arranjo de cordas: Conrado Goys

Violinos: Heitor Fujinami, Edgar Leite, Adriano Mello, Fábio Brucoli, Francisco Krug

e Wellington Rebouças

Cello: Teresa Catto

Viola: Eduardo Cordeiro Jr.

Técnico de gravação: Rodolfo Duarte, Fernando Sanches e Lucas Rechtman

Mixagem: Felipe Arêas e Pedro Garcia

Masterização: Ricardo Garcia (Magic Master)

 

Lyric Video

Direção Criativa: Festa Tempestade

Direção de arte: Zé Ferraz

Motion design: Eduardo Oliveira

Ilustração: Fábio Vido

 

SOBRE FESTA TEMPESTADE

O duo paulistano Festa Tempestade, formado por Zé Ferraz (baixo, violão, vozes, percussão) e Guilherme Tieppo (pianos/sintetizadores, violão/guitarra, vozes, percussão), expõe um universo autointitulado “Tropical Disco” ao misturar o espírito latino e brasilidade com a atmosfera das discotecas dos anos 70 e 80. Tais referências não se resumem apenas na sonoridade, mas também estão presentes na estética e no comportamento da dupla. O nome, Festa Tempestade, manifesta o contraste diário entre alegria e tristeza e propõe a possibilidade de aceitação desse ritmo como parte natural da vida. “A tristeza que balança e a melancolia que vem sempre cheia de esperança”, como definem. E isso se reflete muito nas músicas desenvolvidas pelos artistas: um mix dançante e animado com um tom doce e sentimental. Os singles “Vale” e “Mexe” foram apresentados para o público no primeiro semestre de 2022 e fazem parte do seu primeiro álbum, Festa Tempestade, que será lançado no mesmo ano.

https://www.instagram.com/festade/

anuncio patrocinado
Anunciando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui