Nos EUA a tiktoker que não se vacinou faz apelo antes de morrer de covid

0

Influenciadora Megan Alexandra Blankenbiller disse em um vídeo que não deveria ter esperado para receber o imunizante

 

A influenciadora norte-americana Megan Alexandra Blankenbiller fez um apelo em seu último vídeo no TikTok antes de morrer de covid-19, para que seus milhares de seguidores se vacinem contra a doença.

“Não deveria ter esperado”, disse a jovem durante o vídeo, publicado em 15 de agosto. Durante a gravação, Megan parecia lutar para recuperar o fôlego, e ainda afirmou que não ter se vacinado “foi um erro”.

“Como eu disse em meus outros vídeos, eu não fui vacinada”, falou Blankenbiller, que morava na cidade de Jacksonville, no estado da Flórida. “Eu não sou anti-vacina. Só estava tentando fazer minha pesquisa. Eu estava com medo, e eu queria que eu e minha família pudéssemos receber a vacina ao mesmo tempo. E como tenho certeza que vocês sabem, é difícil fazer com que todos concordem com algo se as pessoas têm opiniões diferentes [sobre o assunto]”.

“Se você tem 70% de certeza de que quer a vacina, vá se vacinar. Não espere, não espere. Vá se vacinar. Porque espero que, se você receber a vacina, não irá acabar no hospital como eu”, concluiu.

Megan morreu aos 31 anos no dia 24 de agosto, uma semana após gravar o vídeo. A informação foi publicada por sua irmã, Cristina Blankenbiller, em uma publicação no Facebook.

anuncio patrocinado
Anunciando...