Inflação em 7,58% é a nova estimativa das Instituições financeiras para 2021

0
Supermercado na zona sul do Rio de Janeiro.

A projeção do mercado financeiro para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que é a inflação oficial do país, passou de 7,27% para 7,58% neste ano. Esta é a 22ª elevação consecutiva na projeção.

Essa estimativa consta do anúncio Focus de hoje (6), que é uma pesquisa semanal do Banco Central (BC), com as projeções dos principais indicadores econômicos.

A inflação em 2022 está estimada em 3,98%. Para 2023 e 2024, as projeções são de 3,25% e 3%, respectivamente.

Entretanto, a projeção para 2021 é superior à meta de inflação que o BC deve perseguir. A meta para este ano definida pelo Comitê Monetário Nacional é de 3,75%, uma oscilação de 1,5 ponto percentual. Ou seja, o limite inferior é 2,25% e o limite superior é 5,25%.

Em julho, a taxa de inflação subiu 0,96%, maior nível desde 2002, quando o aumento foi de 1,19%. Com isso, o IPCA acumula alta de 4,76% e alta de 8,99% nos últimos 12 meses.

Os dados de agosto serão divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na próxima semana, mas o (IPCA-15), que mede as projeções oficiais de inflação, registrou no mês passado inflação de 0,89%, sendo, a maior variação desde 2002 (1%).

Taxa de juros

Para cumprir a meta de inflação, o Banco Central tem como principal instrumento a taxa básica de juros Selic, que atualmente é fixada pelo Comitê de Política Monetária (Copom) em 5,25% ao ano.

Para o mercado financeiro, é esperado que a Selic seja fixada em 7,63% ao ano até o final de 2021. Até o final de 2022, estima-se que a taxa básica de juros subirá para 7,75% ao ano. Para 2023 e 2024, a previsão é de 6,5% ao ano.

Quando o Copom eleva a taxa básica de juros, o objetivo é conter a demanda aquecida, o que leva a reflexos nos preços, pois juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança. Portanto, taxas de juros mais altas dificultam a recuperação da economia.

Além disso, com uma Selic mais alta, os investimentos em renda fixa passam a render mais e com o btg pactual digital você consegue fazer o seu dinheiro render de forma fácil com diversas opções de investimento na palma da sua mão.

Quando o Copom reduz a Selic, a tendência é de que o crédito fique mais barato, estimulando a produção e o consumo, reduzindo o controle da inflação e estimulando a atividade econômica.

PIB e câmbio

As instituições financeiras consultadas pelo BC reduziram a projeção de crescimento econômico do Brasil para este ano de 5,22% para 5,15%.

Para 2022, a expectativa de aumento do Produto Interno Bruto (PIB) – soma de todos os bens e serviços produzidos no país – é de 1,93%. A expectativa do mercado financeiro é de que o crescimento do PIB em 2023 e 2024 seja de 2,35% e 2,5%, respectivamente.

No final deste ano, a expectativa para a taxa de câmbio do dólar passou de 5,15 reais para R$ 5,17. Ao final de 2022, a previsão é que o dólar permaneça em R$ 5,20.

anuncio patrocinado
Anunciando...