Moedas de ouro achadas em casa na França valem até R$ 1,8 milhão

0

Os 239 itens de metal precioso são da época dos reinados de Luis XIII e Luis XVI e serão leiloadas no fim de setembro

 

Centenas de peças de ouro cunhadas antes da Revolução Francesa foram descobertas em uma antiga mansão no oeste da França, de acordo com um informe desta quinta-feira (2) da casa de leilões Ivoire Angers, que vai leiloá-las em 29 de setembro.

A descoberta dessas 239 moedas feitas nos reinados de Luis XIII (1610-1643) e Luis XVI (1645-1715) ocorreu em 2019 em Plozévet, uma pequena cidade da região de Bretanha.

Um casal, que comprou a mansão em 2012, decidiu reformar os três edifícios da propriedade e seus operários encontraram o tesouro dentro de uma caixa de metal em um muro, segundo a casa de leilões.

Após saída dos EUA, o Talibã tem desafio de governar o Afeganistão

“A caixa estava dentro do muro, encaixada entre pedras”, disse à AFP o proprietário da mansão François Mion, de 63 anos. Dias depois, “encontraram no topo de uma viga o que deveria ser uma bolsa com um segundo lote de peças”, acrescentou.

As moedas encontradas incluem luíses de ouro e luíses de ouro duplos, alguns pouco comuns. Um deles, cunhado em 1646, é avaliado em 15 mil euros (17.780 dólares).

Metade do dinheiro arrecadado no leilão, estimado entre R$ 1,5 millhão e R$ 1,8 milhão, será destinada aos operários que encontraram o tesouro. A outra metade vai para os proprietários.

anuncio patrocinado
Anunciando...