Bebê morre após sofrer agressões e abusos sexuais

0

Após a criança ser encontrada, o pai fugiu em um mototáxi. Em seguida, os policiais realizaram diligências na região e encontraram o homem caminhando em uma via pública

 

Uma bebê de um ano e dois meses veio a óbito após sofrer diversas agressões. O pai da menina, um homem de 36 anos, foi preso como o principal suspeito do crime. A perícia constatou também que a criança sofreu abusos sexuais, e a Polícia Civil investiga se o crime foi praticado pelos pais da criança ou se eles foram coniventes. A menina foi encontrada morta em Montes Claros, nessa terça-feira (6).

Após a criança ser encontrada, o suspeito fugiu em um mototáxi. Em seguida, os policiais realizaram diligências na região e encontraram o homem caminhando em uma via pública. Após receber voz de prisão, o suspeito chegou a reagir, mas foi imobilizado e preso.

Segundo os policiais, o homem teve apoio de familiares para se esconder após o crime, e três pessoas foram detidas por atrapalharem as buscas, mas foram liberados após assinarem um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por favorecimento pessoal. O acusado nega os crimes e culpa a mãe da menina. A mãe da criança, uma jovem de 28 anos, também foi autuada.

A mulher contou aos policiais que, durante a manhã, foi acordada pelo avô paterno, que mora no mesmo lote. Em seguida, o parente contou que a criança estava morta.

A mulher saiu com a filha nos braços e pediu para chamarem a polícia. A mãe, o pai, a vítima e três irmãos pequenos dela dormiam na mesma cama. Um dos irmãos, de quatro anos, contou aos policiais que viu o pai bater na criança. O menino também contou que sofre agressões do homem.

Ainda de acordo com a polícia, o casal tinha antecedentes criminais. Também foi constatado que a família vivia em condição de vulnerabilidade social, e que o casal é usuário de drogas. A Polícia Civil investiga o caso.

anuncio patrocinado
Anunciando...