PCDF prende monstro acusado de estuprar a própria filha há 14 anos

0

Crime teria ocorrido em 2007, mesmo ano que o homem fugiu do Distrito Federal. Ele vivia atualmente com documento falso na capital paulista

 

Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), por meio da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), prendeu, em São Paulo, um homem acusado de estuprar a própria filha. O crime correu no DF, em 2007, e o homem só foi preso nessa terça-feira (29/6), 14 anos após atacar a criança, à época com 11 anos.

Em outubro de 2008 foi expedida a decisão judicial que decretou a prisão do suspeito. Ele, porém, já havia deixado a capital federal. Após intensa investigação, a PCDF deflagrou a Operação Gargamel, descobrindo o paradeiro do criminoso. Ele estava na capital paulista, utilizando nome falso, para dificultar sua localização.

Após pesquisas e cruzamentos de dados, usando informações parciais do irmão do foragido, descobriu-se que ele teria conseguido obter novos documentos e estava vivendo clandestinamente no estado de SP.

Nessa terça-feira, durante o cumprimento do mandado de prisão, o foragido apresentou a identidade falsa, mas acabou preso e responderá, inclusive, por uso de documento falso.

anuncio patrocinado
Anunciando...