Uma boa rede de contatos pode ser a saída para momentos de crise

0

 

Vinícius Postai, empreendedor e CEO da MOAI, destaca que é preciso saber montar uma rede sólida de networking para que os negócios consigam prosperar

Brasília, 30 de junho de 2021 – O número de empresas, no Brasil, voltou a crescer em 2019 após três anos seguidos de queda. O dado é do Cadastro Central de Empresas (Cempre), divulgado na última quinta-feira (24), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado é positivo e demonstra o interesse do país em investir em negócios.

Apesar dos dados trazerem alento para o mercado, Vinícius Postai, empreendedor e CEO da MOAI, alerta para a necessidade de haver cuidados redobrados após a abertura do próprio empreendimento. “Abrir uma empresa é, de certa forma, a parte ‘fácil’ do negócio. O que vem depois, na verdade, requer mais atenção. É preciso saber montar uma rede sólida de contatos para que o projeto possa prosperar”, explica.

Nesse ponto, o networking surge como um importante aliado para manter a vitalidade de uma empresa. A tendência tem ganhado força e, por essa razão, serviços relacionados à criação de redes de contatos surgem como novidades dentro do mercado.

“Na prática, uma rede de empresários se caracteriza por um grupo de empreendedores que se conectam com um objetivo em comum. Grande parte desses espaços busca fomentar os negócios por meio dos relacionamentos empresariais. A ideia é justamente desenvolver os profissionais rumo à liderança e solucionar desafios complexos em equipe”, informa Postai.

Kaká Bessa, dona da Agência KABE, sócia da Influenza Produções e do Primo Pobre Bar teve a oportunidade de compartilhar as suas experiências por meio do networking, promovido pela MOAI, em Brasília. A ideia surgiu a partir de um parceiro de negócio que a convidou para o ecossistema. Por meio do convite, foi possível reinventar o olhar empresarial ao mesmo tempo em que houve a descoberta de novas alternativas de sobrevivência durante a pandemia.

“Mudou nossa forma de ver o negócio e de analisar que, até mesmo perfis de empresas totalmente diferentes da nossa, podem nos ensinar e agregar. Além disso, compreendemos que não é possível alcançar sucesso sem cutucar feridas. É importante a reflexão sobre assuntos relevantes e complexos da sua empresa. Ouvir a opinião de cada um empresário (que tem vivências, segmentos, dificuldades e histórias diferentes) acrescenta demais”, informa Kaká.

Aspectos como gestão de equipe, estratégia de vendas, quesitos relacionados a contabilidade e direito são assuntos que tendem a fazer parte do dia a dia de um espaço destinado apenas à troca de contatos. Por meio do ambiente, é possível expandir relacionamentos corporativos e colocar em prática novos projetos dentro de uma área específica de atuação.

Leonardo Figueiredo, fundador da H&CARE, responsável por representar e distribuir dez multinacionais do segmento da saúde para as regiões Centro Oeste e Nordeste por meio da sede em Brasília e filial em Recife, também conseguiu enxergar a importância de se agregar a este círculo de empreendedorismo.

“Todo empresário deveria fazer parte de um ecossistema. Além de conseguir se conectar com produtos e serviços complementares, há um universo de potenciais clientes que pode ser explorado. Tive a experiência de conhecer novos parceiros de negócios. Isso abriu a minha mente para outros segmentos de atividade”, comenta o empresário.

Olhando para o âmbito mais comercial, Rodrigo Gianesini, sócio e diretor de operações na Cidadania4u, empresa que visa desburocratizar o processo de reconhecimento da cidadania europeia, procurou o suporte da rede de empresários no início do negócio, quando ainda existiam dúvidas relacionadas aos processos empresariais que, na época, ainda não tinha sido vivenciado.

“Foi muito bom saber que diversos empresários, dos mais variados ramos, também já passaram por esse processo e estavam dispostos a nos ajudar. Recebemos diversas dicas, desde estratégias de vendas até insights dentro do grupo. Criamos setores novos e melhoramos processos internos, o que nos auxiliou no crescimento exponencial”, lembra.

Para Gianesini, a possibilidade do networking é interessante por ser uma via de mão dupla: permitir ajudar e, igualmente, ser ajudado. O profissional destaca que, muitas vezes, as pessoas falam de algum problema e, por meio do contato com outros profissionais, é possível receber respostas para auxiliar em problemas que, às vezes, não estavam tão evidentes.

SERVIÇO:
MOAI – Disruptive Ideas
Telefone: (61) 98438 1366 ou (61) 3546-7509
Endereço: Impacthub Brasilia – SGAN 601, Lote H – Asa Norte, Brasília (DF)

 

Sobre a MOAI – Fundada em 2016, a MOAI surgiu com o propósito de apoiar empreendedores no crescimento de seus negócios por meio da troca de experiência prática. A empresa acredita que nada nada é mais valioso a um empresário do que a experiência prática de outro empreendedor. Aprender com erros e acertos, além de unir esforços, potencializam resultados.

Para isso, a equipe da MOAI desenvolveu uma metodologia própria para a condução de Conselhos Estratégicos entre empreendedores, nos quais é possível ir a fundo nas tomadas de decisões mais críticas e acompanhamento mensal de todos os seus desafios. Além disso, é oferecido conhecimento, conexão e oportunidades por meio de eventos e ações direcionadas.

Atualmente, a empresa conta com mais de 400 empreendedores reunidos em torno deste propósito: crescer os negócios e gerar um impacto positivo no mundo.

anuncio patrocinado
Anunciando...