O que são indicadores financeiros? Descubra aqui!

0

 

Quer descobrir o que são indicadores financeiros? No artigo de hoje, vamos abordar essas métricas de forma detalhada. Assim, será muito fácil fazer seu negócio crescer ou apenas melhorar o seu planejamento pessoal.

Desse modo, siga com a leitura e entenda sem mistérios o que significa margem líquida, margem bruta, liquidez corrente, fluxo de caixa, entre outros pontos. Venha com a gente e aproveite o conhecimento!

O que são indicadores financeiros: entendendo o conceito

De forma simples, podemos dizer que os indicadores financeiros são dados refinados que mostram a situação do capital que você ou sua empresa possuem. Afinal de contas, de nada adianta analisar uma informação solta sobre quantidade de vendas ou valor de despesas, por exemplo.

Para que cada uma dessas informações diga algo realmente importante em termos financeiros, ela precisa ser analisada em um contexto maior.

O que são indicadores financeiros: descobrindo os principais índices

Agora você já entende a ideia geral sobre o que são indicadores financeiros. Então, chegou o momento de conhecer alguns desses índices.

No mercado financeiro, é possível encontrar diversos indicadores. Porém, nos tópicos a seguir, vamos apresentar os principais deles para que você não fique perdido em meio a uma diversidade de expressões.

Lucratividade

Os indicadores de lucratividade são responsáveis por avaliar qual foi o lucro que uma pessoa ou empresa obteve durante um período predeterminado.

Margem Bruta

A margem bruta apresenta quanto você faturou com a venda de um produto ou serviço, descontando-se os custos relacionados ao processo de produção e comercialização.

Margem Ebit

Este indicador financeiro é bem parecido com o anterior, a diferença é que aqui são descontadas as despesas com impostos. Esse é um custo que ainda vai incidir sobre a margem bruta, desse modo a margem Ebit apresenta informações mais refinadas sobre o lucro real de uma empresa.

Rentabilidade

Não é possível entender o que são indicadores financeiros sem falar em rentabilidade. Assim, isso traça uma relação entre o lucro da empresa oriundo das vendas com questões ligadas a ativos e ao capital investido na companhia.

Margem líquida

A margem líquida mostra quando sobrou em caixa depois que foram abatidas todas as despesas empresariais, inclusive o imposto de renda.

Margem operacional

A margem operacional funciona de modo bem similar à anterior, só que nesta aqui não ocorre o abatimento do imposto de renda. Ou seja, este é um indicador de rentabilidade que apresenta dados mais brutos.

Estrutura de capital

Os indicadores relacionados à estrutura de capital servem para analisar o nível de endividamento de uma empresa, e a capacidade da mesma para arcar com os juros oriundos dessas despesas.

Endividamento total

Apresenta a relação entre todos os débitos que um negócio possui e os valores que você tem investido na empresa, em geral com a compra de ações.

Cobertura de juros

O indicador de cobertura de juros é um dos mais importantes em termos financeiros. Isso porque ele mostra se você consegue pagar suas dívidas sem comprometer o orçamento que possui.

Liquidez

Liquidez relaciona-se com a quantidade de dinheiro disponível para ser utilizado de forma imediata. Ou seja, ela está ligada aquele capital que você tem em caixa, ao dinheiro que está para receber com as vendas do mês ou que está aplicado em investimentos de curtíssimo prazo.

Liquidez corrente

Apresenta a relação entre as contas a pagar e a receber no momento presente ou em um futuro próximo.

Liquidez imediata

A liquidez imediata trabalha com o valor que você tem em caixa hoje. Ou seja, caso surja uma emergência neste exato momento, quanto de dinheiro está disponível para ser utilizado?

Atividade

Os indicadores de atividade servem para analisar o funcionamento da empresa de forma geral, principalmente em avaliações de longo prazo. Isso porque trabalham com o tempo que uma empresa levará para transformar as contas em vendas ou dinheiro de caixa.

Fluxo de caixa

Mede a diferença entre os valores das receitas com os das despesas de um negócio. Além disso, é um dos índices mais conhecidos e importante dentro de uma empresa.

Retorno sobre o capital investido

Também chamado de ROIC, esse é um índice que serve de base para diversas decisões empresariais. Isso porque ele serve para avaliar a quantidade de dinheiro que um negócio é capaz de gerar com o valor X que foi investido nele.

Ou seja, ele mostra depois de quanto tempo você conseguirá recuperar o dinheiro aplicado na empresa ou em um determinado negócio.

O que são indicadores financeiros: analisando a importância das métricas

Como você notou, existem muitos indicadores financeiros e cada um deles apresenta informações específicas sobre a situação da empresa ou até mesmo de suas finanças pessoais.

Isso faz com que possamos perceber a importância de cada um desses índices. Afinal, por meio deles, você consegue observar, entre outras coisas, se:

  • seus custos de produção estão muito altos;
  • o preço final de um produto está muito baixo e diminuindo seus lucros;
  • será possível realizar um novo empréstimo sem comprometer o orçamento da companhia;
  • vale a pena investir dinheiro em determinado negócio;
  • A liquidez da empresa está dentro do esperado ou precisa ser melhorada.

Todas essas questões são respondidas por meio da análise de indicadores financeiros. Desse modo, conhecer de forma aprofundada cada um deles é mais do que essencial para fazer seu negócio prosperar.

Uma outra ótima alternativa, caso você ainda tenha dúvidas sobre o assunto é se aprofundar em pesquisas na internet. Hoje basta que você diga ao seu celular ‘ok google’, e as coisas que você deseja saber, para ter em mãos toda a informação necessária.

E falando sobre ‘prosperar o seu negócio’, considere a opção de contratar um empréstimo com uma instituição financeira que acredite na sua empresa. Sua ajuda fará toda a diferença e permitirá que você não precise tirar dinheiro do seu salário, do seu décimo terceiro ou do seu pis para começar a investir.

Com a competitividade do mercado, sabemos o quão difícil é se manter em destaque, não é mesmo? Por isso, empresas como a CashMe têm se preocupado em oferecer empréstimos que cabem no orçamento do seu negócio. O empréstimo com garantia de imóvel, como um ótimo exemplo, é uma modalidade que tem chamado a atenção por suas taxas baixas de juros e por seu longo prazo de pagamento. Dentre outros serviços, a fintech também oferece crédito para construtoras e também trabalha com a antecipação de vendas.

 

anuncio patrocinado
Anunciando...