Mini Lamers lança EP “Quiet for a bit” que conversa com a comunidade LGBTQIAP+

0

 

O EP de estreia de Mini Lamers conta com duas faixas que fazem parte da trilha sonora da série LGBTQIAP+ brasileira “Seus Olhos”.

 

 

Na última sexta, a artista Mini Lamers apresentou o EP “Quiet for a bit”, com canções que discutem vulnerabilidades de ser LGBTQIAP+ no Brasil, enquanto prepara o lançamento de seu primeiro álbum “Luta ou Fuga” para agosto deste ano, em parceria com o selo Cada Instante. Hoje, dia 28, Dia Internacional do Orgulho LGBTQIAP+, foi lançado o videoclipe.

“Quiet for a bit”, faixa que dá nome ao EP, “veio da urgência de nos protegermos diante do cenário conservador e hostil que vivemos. O Brasil é um dos países que mais mata LGBTs no mundo.  Pessoas LGBTQfóbicas ganham cada vez mais voz, endossadas por representantes políticos e pessoas públicas que propagam discursos de ódio e tentam minar nossos direitos como cidadãos. Em tempos de ódio consentido o diálogo não acontece, o ódio é surdo, cego e cheio de razão. Quiet for a bit tenta elaborar como resistir perante esse caos e propõe um respiro, uma retomada de fôlego estratégica antes de voltar ao confronto”, comenta Mini.

Ouça “Quiet for a bit” aqui: http://ingroov.es/quietforabit

O EP foi produzido por Naná Rizinni e traz duas faixas que fazem parte da trilha sonora da série independente “Seus Olhos”, dirigida por Angélica Di Paula e Julia Rufino, disponível na Amazon Prime Video, Net Now, Vivo Play e no Looke. A produção é da Sonan Filmes e a realização do Cine.das, coletivo criado com objetivo de fomentar a participação das mulheres e da comunidade LGBTQIA+ no mercado audiovisual. A série foi indicada em 9 categorias no Rio Web Fest 2020 e levou dois prêmios: Melhor Trilha Sonora e Melhor Produção.

O videoclipe de “Quiet for a Bit” traz cenas de afeto entre o casal protagonista da série, formado por Lia e Verônica, mescladas com imagens de Mini Lamers substituindo notícias ruins por notícias positivas sobre a comunidade LGBTQIAP+, a fim de criar narrativas otimistas e novos imaginários sobre estes corpos. ”Como uma mulher lésbica, sinto a necessidade de criarmos um imaginário afetivo feliz para nossos corpos, seja para satisfazer um vislumbre de presente/futuro mais leve para nós ou para naturalizar nossa existênica na sociedade mesmo que muitas vezes essa não seja a realidade”, diz Mini. Assista: https://youtu.be/PVQvZzprlNA.


SOBRE MINI LAMERS:
Nascida em Santos e radicada em São Paulo, Mini Lamers começou sua carreira musical em 2006 com a dupla feminina “Comma”, fundada com Didi Cunha. Durante os 10 anos de existência da banda, lançaram dois discos autorais e tocaram em diversas casas de shows e festivais como Casa do Mancha, Vegas, Serralheria, Estudio SP, FunHouse, Lions, Estudio M, NEUclub, Sensorial Disco, Bar Secreto, Virada Cultural da cidade e Estado de SP, Bananada (GO) 2010, Macondo(RS). Em 2017, Mini estreou seu trabalho solo no “Sonora” em São Paulo, festival internacional de compositoras, apresentando seu primeiro single “Quem Manda Aqui É o Coração”, pop rock e hino contra a homofobia produzido por Raphael Mancini  Nascida em Santos e radicada em São Paulo, Mini Lamers começou sua carreira musical em 2006 com a dupla feminina “Comma”, fundada com Didi Cunha. Depois de 10 anos, estreou seu trabalho solo no “Sonora” em São Paulo, festival internacional de compositoras, apresentando seu primeiro single “Quem Manda Aqui É o Coração”, pop rock e hino contra a homofobia. Desde então, tocou em diversas casas de shows e festivais como Girls Rock Camp (2019), Festival MECA (2018), Casa Natura Musical (2018), Virada Cultural SP (2017). Na televisão, Mini integrou o programa “Lounge” do canal Bis (2018) onde interpretou canções da MPB e do rock junto a outras cantoras nacionais como Ana Cañas, Tássia Reis e Izzy Gordon. Em 2019 começou a produção do seu primeiro álbum “Luta ou Fuga” com o produtor Tejo Damasceno e a produtora Naná Rizinni. O disco será lançado em agosto de 2021 e conta com participações de Bemti, Monica Agena, Dessa Brandão, Didi Cunha e Geanine Marques. Acompanhe a artista: https://www.instagram.com/minilamers/

Sobre a Cada Instante:
A Cada Instante é um selo e editora musical que busca oferecer conforto e segurança para artistas e compositores por meio de soluções práticas e efetivas que visam o melhor posicionamento de suas obras no mercado da música brasileira. De maneira personalizada, a empresa busca oferecer uma visão estratégica de negócio, respeitando o conceito artístico de cada produto e projeto com serviços como planejamento estratégico para lançamentos digitais e consultoria para carreiras. Desde 2018, ano de sua fundação, a Cada Instante coleciona mais de 38MM de plays, +160 lançamentos e +50 artistas, com foco no mercado MPB e Indie de todo o país. Conheça: https://www.instagram.com/cadainstante/

anuncio patrocinado
Anunciando...