Mesmo após registrar 14 ocorrências contra ex-companheiro, mulher é estuprada e desfigurada

1

A mulher disse aos militares que manteve um relacionamento de cinco anos com o suspeito, encerrado em novembro do ano passado. Inconformado com o término, ele a teria ameaçado e agredido diversas vezes

 

A Polícia Militar (PM) prendeu um homem de 40 anos na madrugada dessa segunda-feira (31/5) em Uberaba, no Triângulo Mineiro, suspeito de ameaçar, estuprar e espancar a ex-companheira, de 53 anos, até deixá-la desfigurada. A vítima, que teve a prótese dentária arrancada, chegou a registrar 14 boletins de ocorrência contra o agressor.

A mulher disse aos militares que manteve um relacionamento de cinco anos com o suspeito, encerrado em novembro do ano passado. Inconformado com o término, ele a teria ameaçado e agredido diversas vezes.

Segundo a PM, nessa segunda-feira (31/5), o homem foi até a casa da vítima e aproveitou que a porta estava destrancada para invadir o imóvel.

Ao encontrá-la, ele a ameaçou de morte: “Da próxima vez que você chamar a polícia para mim, eu vou pegar 30 anos de prisão, pois vou te matar”, teria dito à ex.

Na mesma madrugada, ela foi estuprada e agredida com diversos socos, sobretudo no rosto. A mulher também contou aos militares que foi ameaçada com uma faca no pescoço.

Acionada, a PM socorreu a vítima, que foi encaminhada ao Hospital Escola da Universidade Federal do Triângulo Mineiro, onde foi atendida por uma equipe multidisciplinar. Os profissionais a orientaram a solicitar uma medida protetiva contra o ex-companheiro.

O homem foi encaminhado à delegacia e responderá por estupro e tentativa de feminicídio.

anuncio patrocinado