Especialista revela personalidade através da leitura facial

0

 

         A leitura dos traços faciais e revelam traços profundos da personalidade, é a óbvia maneira de perceber o que ela sente no momento. Mas o rosto pode falar bem mais que isso: transforma-se em um mapa da psiquê, apontando traços profundos da personalidade.

         Ao menos é o que creem os estudiosos da fisiognomonia, espécie de oráculo que interpreta os formatos do rosto e relaciona formas e proporções com atributos do caráter.

         A terapeuta Syrlene Consoli , formada em barras de access, nova medicina germânica , terapia multidimensional, fisiognomonia e biotipologia , garante que não há exagero ” O rosto é suficiente para que descubramos intenções e até mesmo fatos marcantes da vida, pois ao fazer uma análise, revela quais emoções são predominantes de acordo com o cada tipo de rosto. Para o rosto fogo predomina a  alegria, o metal a tristeza, madeira a raiva, terra a preocupação e água o medo”, explica.

         Assim é possível saber a personalidade, as tendências positivas e negativas, dores, traumas, desequilíbrios que somatizam doenças e sintomas, equilíbrio do lado feminino e masculino, ressignificação de conflitos com os pais.

         Realizar uma sessão de análise do rosto e corporal é te mostrar o quanto se autoconhecer é incrível, respeitar a sua maneira de ser, entender onde posso mudar, ter mais qualidade de vida sendo eu e principalmente entendendo que os sintomas que ocorrem em seu corpo e organismo ocorrem devido a muitos traumas,  conflitos biológicos emocionais de forte impacto emocional que geram todo esse desequilíbrio interno e com a ressignificação eliminamos tudo aquilo que te impede de ter uma vida saudável, plena e próspera em todos os sentidos. Pois um adulto saudável não tem traumas, tem recursos incríveis ativados para fazer do seu viver, uma vida plena e em abundância.

         Uma boa leitura depende da análise de mais de 60 traços, na prática ela é feita a partir da associação entre formas geométricas dos elementos da face e características de personalidade. Por exemplo: maçãs do rosto e maxilares salientes denunciam pessoas ciumentas, assim como olhos e queixos mais arredondados apontam para alguém maternal, dócil.: Desde o berço, o bebê busca entender o que os adultos que lhe cercam esperam, teria sido praticada inclusive pelo filósofo grego Hipócrates para reconhecer o potencial de discípulos. Hoje, é reconhecida principalmente como um instrumento de autoconhecimento. Mesmo gêmeos idênticos imprimem marcas que os diferenciam, na medida em que tenham personalidades distintas . E o que dizer das plásticas? É o grande terror do fisiognomonista. Além de apagar a história impressa no rosto, as mudanças nos traços naturais podem interferir na personalidade.

         Para outras informações ou agendar uma avaliação gratuita, no whatsapp (61) 99293-2274, o atendimento pode ser on-line ou presencial. Para acompanhar no Instagram @syrleneterapeuta

anuncio patrocinado