Artefato apreendido no Jacarezinho pode ter alto poder de destruição

0

Polícia Civil investiga como munição usada em guerra chegou à comunidade da zona norte do Rio

 

A Polícia Civil apreendeu, na última quinta-feira (6), durante a operação no Jacarezinho, na zona norte do Rio, um explosivo de guerra. O artefato possui grande poder de destruição e tem capacidade de detonar um quarteirão, segundo o especialista Rildo Anjos, devido à capacidade de armazenamento de carga explosiva.

Apesar de aparentemente estar inativo, o explosivo vai passar por uma perícia. A polícia investiga como o material chegou à comunidade do Jacarezinho e se existia alguma forma de detonar o artefato.

“Pode ser utilizado como mina terrestre e era utilizado também no Iraque”, informou o especialista em armas Rildo Anjos.

Os agentes de segurança também apreenderam fuzis e pistolas na ação no Jacarezinho que deixou um policial civil e mais de 27 mortos.

O delegado Felipe Curi informou que os confrontos ocorreram em mais dez pontos da comunidade e relatou que traficantes invadiram e se esconderam em residências de moradores para atacar policiais.

MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro) criou uma força-tarefa para investigar a atuação da polícia durante a operação de maior letalidade da história do Estado do Rio de Janeiro.

 

anuncio patrocinado