Grávida é agredida por policial durante tumulto no interior de MG

0

Militares alegam que foram atacados por parentes de um homem que foi preso na cidade de Extrema, a 492 km de Belo Horizonte

 

Um vídeo divulgado nas redes sociais mostra o momento em que policial militar agride uma mulher grávida na cidade de Extrema, a 492 km de Belo Horizonte.

Segundo a corporação, a grávida estava com um grupo de familiares que teria atacado os militares para tentar impedir a prisão de um parente. Em nota, a Polícia Militar informou que vai apurar a conduta dos agentes que atenderam a ocorrência.

 

 

De acordo com a PM, a confusão aconteceu na última segunda-feira (26), quando os agentes foram acionados por um homem que denunciava estar sendo vítima de uma tentativa de assassinato. O suspeito seria o próprio filho, que teria furado os pneus do carro do pai.

Os militares chegaram no local e prenderam o suspeito em flagrante, mas os familiares teriam ficado revoltados com a ação e atacado os policiais. Nas imagens, é possível ver um dos militares dando socos em uma mulher que está grávida.

Em nota, a PM destacou que o grupo teria impedido a atuação dos militares com “desacatos e truculência”. Um dos agentes agredidos precisou de atendimento médico, mas já foi liberado. Todos os envolvidos na confusão também foram presos e liberados após se comprometerem a comparecer em uma audiência no juizado especial criminal.

Segundo a corporação, foram registrados dois boletins de ocorrência: o primeiro pelas ameaças cometidas pelo filho do denunciante e o segundo por desacato e resistência.

anuncio patrocinado