Mulher encontrada morta em Santa Maria foi assassinada pelo companheiro

0

O marido da vítima cortou o pescoço dela por suspeitar que estava sendo traído, afirma a polícia. Homem se entregou e foi preso pela 33ª DP

 

O marido da mulher encontrada morta em Santa Maria, na manhã deste último domingo  (25/4), foi o responsável pela morte dela. Segundo os investigadores da Polícia Civil do Distrito Federal, o autor, de 47 anos, se entregou na 33ª Delegacia de Polícia (Santa Maria) horas após o corpo ser encontrado em um terreno abandonado da cidade.

Segundo os investigadores, ele confessou ter cortado o pescoço da mulher, 38 anos. A suspeita dos policiais é de que a motivação tenha sido sentimento de posse, pois o autor acreditava que a mulher o havia traído. Ele teria dado um mata leão nela e, no local onde abandonou o corpo, cortado a garganta.

Ambos moravam em Santa Maria.  O autor foi preso em flagrante. “Trata-se de um feminicídio”, declarou o delegado da 33ª DP, Paulo Fortini. Os nomes do acusado e o da vítima não foram divulgados em respeito a pedido da família.

O corpo da vítima foi encontrado por um catador de latinhas por volta das 7h da manhã de domingo. Ela estava apenas de pijama e com várias lesões no corpo, inclusive corte no pescoço. O corpo passou por perícia.

Peça ajuda

Central de Atendimento à Mulher em Situação de Violência; Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República

Telefone: 180 (disque-denúncia)

Centro de Atendimento à Mulher (Ceam);

De segunda a sexta-feira, das 8h às 18h; Locais: 102 Sul (Estação do Metrô), Ceilândia, Planaltina

Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam);

Entrequadra 204/205 Sul – Asa Sul
(61) 3207-6172

Disque 100; Ministério dos Direitos Humanos

Telefone: 100

Programa de Prevenção à Violência Doméstica (Provid) da Polícia Militar
Telefones: (61) 3910-1349 / (61) 3910-1350

anuncio patrocinado