Caso Laura: entenda a disputa judicial que viralizou na internet

0

Pais da criança brigam pela guarda e até o momento o Conselho Tutelar ainda não se pronunciou sobre as acusações que envolvem os dois lados

 

 

Laura Orlandi, de 3 anos, está no meio de uma disputa judicial. O pai, Cristiano Orlandi, é quem está com a guarda da criança. Tatiana Mari da Silva, mãe de Laura, quer ter o direito de viver com a filha novamente.

O caso de Laura viralizou na internet e a #JustiçaporLauraOrlandi, que foi visualizada mais 100 mil vezes. Tatiana está usando o mundo virtual para chamar atenção para o caso

Uma das redes sociais está com mais 730 mil seguidores. Cristiano tem a guarda de Laura desde novembro de 2020 e alega estar recebendo ameaças de morte depois que o caso ganhou repercussão

Em um vídeo, Laura está nos braços da mãe e se recusa a ir com o pai. Ela chora e grita, mostrando resistência. Atualmente, Tatiana pode passar o dia com a criança. Mas, não tem permissão para passar a noite com ela

Cristiano disse que a criança sempre volta chorando porque Tatiana a influencia. Ele conta que solicitou a guarda de Laura após denuncias dos vizinhos onde a filha vivia com a mãe

No relato, Tatiana estaria batendo em Laura, a mantendo trancada no banheiro e se prostituindo na presença da filha. O grande movimento de homens no imóvel teria sido o motivo de Tatiana ter sido despejada

Em defesa, Tatiana conta que as acusações foram feitas por vizinhos que ela tinha se desentendido e diz que Laura sofre abusos do do meio irmão na casa do pai

Até o momento, o Conselho Tutelar não se pronunciou e o caso segue na Justiça.

anuncio patrocinado