PCDF deflagra operação contra grupo especializado em roubo a lotéricas

0

Operação da Corpatri resultou na prisão de três membros da associação criminosa

 

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), por meio da Coordenação de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Corpatri), deflagrou, nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira (16/4), uma operação para prender membros de uma associação criminosa especializada em invadir e furtar casas lotéricas no Distrito Federal. Três suspeitos foram identificados e presos.

De acordo com a investigação, o grupo tem um modo de operação que já foi repetido várias vezes durante o ano de 2020. São procurados estabelecimentos comerciais ou residenciais que façam divisória com casas lotéricas e, com emprego de arma de fogo e instrumentos de arrombamento, os criminosos invadem estes locais para levar toda a quantia que normalmente está guardada em cofres.

Confira imagens de câmera de segurança

O que chamou a atenção da Corpatri foi o preparo dos ladrões que, durante os delitos, usam máscaras, luvas e fazem levantamentos prévios para desativar qualquer sistema de alarme. Há também a preferência pelo horário noturno, para não chamar atenção. Quando o grupo é descoberto, no entanto, ele age de forma violenta, com restrição de liberdade das vítimas e com emprego de arma de fogo.

A investigação avançou quando os policiais conseguiram identificar três integrantes do grupo criminoso, após um furto ocorrido em Taguatinga. Na ocasião, os bandidos quebraram a parede lateral de uma lotérica e subtraíram R$ 13.278, além de outros objetos.

Dessa forma, a PCDF representou pela prisão cautelar dos investigados para que sejam processados pelos crimes de furto qualificado e associação criminosa. A soma das penas pode ultrapassar de 11 anos de reclusão.

anuncio patrocinado