Concurso de fotografia do IDP premia jovens talentos de Brasília

0

Concurso Memórias ao Quadrado convida estudantes do ensino médio e superior a mostrarem ao mundo registros afetivos da capital

 

Brasília é celeiro de grandes talentos. Com céu inconfundível, ipês coloridos, pôr-do-sol que pinta o Lago Paranoá com múltiplas cores e traços arquitetônicos únicos, a cidade proporciona belos cenários no cotidiano de quem vive por aqui. Recordar esses momentos e compartilhá-los é a proposta do 1º Concurso de Fotografia da Escola de Comunicação, Criatividade e Artes do Instituto Brasileiro de Ensino, Desenvolvimento e Pesquisa (IDP) para celebrar o aniversário de 61 anos da capital federal.

A ideia do concurso “Memórias ao Quadrado” é valorizar os jovens talentos de Brasília, convidando-os a trazer novos olhares sobre a cidade. O concurso é voltado para estudantes do ensino médio e superior de qualquer instituição do Distrito Federal e vai premiar as cinco melhores imagens.

“O Memórias ao Quadrado será uma grande oportunidade de revelar talentos de Brasília, retomando as lembranças afetivas que temos da capital e oferecendo prêmios como forma de incentivar ainda mais a participação desses alunos.”

BARBARA WORISCH, GERENTE DE DESENVOLVIMENTO DE PRODUTO DO IDP

Os interessados devem se inscrever até 18 de abril pelo site, seguir o perfil @idp.ecom no Instagram, postar a melhor foto de Brasília no perfil pessoal do Instagram marcando o @idp.ecom até o dia 18. Lembre-se de caprichar na legenda e usar as hashtags #ConcursoFotografiaECOM #SejaIDP e hashtag referente a categoria participante (EnsinoMedio ou #EnsinoSuperior).

Os cliques serão avaliados por uma banca composta por três especialistas: o fotógrafo Vini Goulart, sócio-fundador da Magneto Fotografia e professor no IDP; a fotógrafa e artista visual, Raquel Pelicano, especializada em retrato, moda, publicidade e registros de viagens; e o publicitário Bernardo Moreira, referência em Brasília na área de fotografia de retratos e de arquitetura.

“Queremos jogar um holofote nos novos talentos de Brasília e parar de perder grandes profissionais para outras cidades. Temos nomes extremamente relevantes de artistas brasilienses, mas que muitas vezes as pessoas não sabem. Nosso foco é fortalecer a criação desse ecossistema artístico na capital”

BARBARA WORISCH, GERENTE DE DESENVOLVIMENTO DE PRODUTO DO IDP

Os primeiros colocados nas categorias ensino médio e ensino superior vão levar um iPhone 12 de 64GB. Quem ficar em segundo lugar – em cada categoria – vai receber uma câmera profissional da Canon Eos Rebel T7, além de um flash. A escolha do terceiro e último prêmio será por meio de voto popular. Ganha uma câmera Canon Eos Rebel T7, mais flash, quem tiver a fotografia mais curtidas no Instagram, obedecendo todos os critérios do concurso. Confira os detalhes no edital.

Novos cursos no IDP

Referência em carreiras jurídicas, o IDP agora também oferece cursos nas áreas de publicidade, jornalismo, administração e economia, com metodologia especial de ensino com parcerias internacionais, grade flexível e corpo docente especializado.

São mais de 2 mil alunos matriculados nos cursos de graduação, especialização, extensão, mestrado e doutorado em 2020, que desenvolvem as habilidades exigidas no mercado, além da formação voltada para resoluções inovadoras e contemporâneas.

Com ambientes modernos, os estudantes do IDP contam com laboratórios multimídia e computadores de última geração que são partes do parque tecnológico da instituição. A estrutura dispõe de um hub de convivência e networking, sala de conferências e defesas de teses, e uma nova biblioteca com acervo híbrido e mais de 30 mil obras.

Hoje, por conta da pandemia, o instituto está com todas as aulas on-line, e também disponibiliza um vasto portfólio de cursos livres OpenClass, a plataforma de aulas ao vivo, online e gratuitas.

“Estamos 100% remotos, passamos por um grande processo de adaptação e inovação. Estruturamos todas as nossas atividades dentro desse novo contexto e têm sido muito positivo. A qualidade da aprendizagem não está sendo prejudicada e o feedback dos alunos tem sido positivo.”

BARBARA WORISCH, GERENTE DE DESENVOLVIMENTO DE PRODUTO DO IDP

anuncio patrocinado