Número de famílias brasileiras endividadas sobe para mais de 56% com a pandemia

0

Renda dessas famílias está cada vez mais comprometida com dívidas e juros

 

Segundo o Banco Central, antes do início da pandemia pouco mais de 28% da receita das famílias estava comprometida com dívidas e juros. Agora, subiu para mais de 31%. O número de famílias endividadas começou a crescer em 2018, mas aumentou ainda mais por causa do coronavírus, chegando a mais de 56% do total.

 

anuncio patrocinado