Em SP passa a usar vans escolares para transportar corpos de vítimas da covid-19

0

Contratação de 50 veículos particulares se deu pelo aumento de quase 30% nos enterros; 50 novos motoristas também foram chamados

 

Por causa do aumento de mortes em decorrência da covid-19, a prefeitura da cidade de São Paulo decidiu contratar 50 carros particulares a fim de reforçar o transporte dos corpos aos cemitérios. Todos os veículos serão adaptados para o serviço funerário. A capital apresentou um aumento de quase 30% nos enterros.

Alguns desses automóveis são vans escolares. De acordo com a gestão municipal, os bancos serão retirados, além do adesivo usado para identificação do transporte de crianças e adultos.

“São 50 veículos particulares dos tipos van, mini van ou furgão, com altura de até 2,51m e quatro veículos de passeio”, disse a prefeitura, por meio de nota.

A empresa Era Técnica Engenharia Construções e Serviços foi contratada para a administração das locações. Que, por sua vez, contratou alguns motoristas de vans que estavam parados devido a suspensão das aulas presenciais.

Os 50 novos motoristas estão passando por treinamentos para que seja realizado o transporte funerário de forma adequada. Segundo os profissionais, o pagamento é de R$ 28/hora, e a previsão de trabalho é de 10 a 12 horas por dia. Totalizando, em média, R$ 1.540 semanais.

“Além desses, [foram alugados] mais quatro veículos de passeio para transporte dos agentes funerários. Com essa medida, o Serviço Funerário, que atualmente conta com 45 veículos, dobra o número de carros”, informou a prefeitura.

Ao fim do contrato, a gestão vai higienizar os veículos usados para o transporte de corpos.

anuncio patrocinado