Hotel na órbita da Terra deve entrar em funcionamento em 2027

0

Hospedes poderão desfrutar de restaurantes, bares, salas de cinema, bibliotecas, spas e academias

 

A empresa norte-americana Orbital Assembly Corporation (OAC), da Gateway Foundation, pretende dar início às obras do primeiro hotel espacial do mundo, que será construído na órbita da Terra, em 2025. A ideia é que o Voyager Class, como foi nomeado, já esteja em funcionamento e receba os primeiros hóspedes em 2027.

Segundo a OAC, o empreendimento consistirá em 24 módulos habitacionais integrados de 20 metros de comprimento e 12 metros de largura já com os sistemas de ar, água e energia.

Esses locais serão ocupados pelos hóspedes e também serão alugados e vendidos para empresas privadas e governos que desejam realizar para pesquisas espaciais.

Além disso, as agências governamentais poderão usar a estação para abrigar seu próprio módulo de ciências ou como centro de treinamento para astronautas que se preparam para ir a Marte.

A tripulação espacial poderá desfrutar de restaurantes, bares, salas de cinema e concertos, bibliotecas, spas e academias.

A ideia é que o Voyager Class seja um hotel de alto padrão. Para que as pessoas não fiquem flutuando, será gerada uma gravidade artificial, definida em um nível semelhante à gravidade encontrada na superfície da Lua.

Nenhum detalhe sobre custos — tanto para para construir a estação espacial quanto para passar uma noite no hotel — foi revelado. A OAC afirma, no entanto, que os custos de construção estão ficando mais baratos graças aos veículos de lançamento reutilizáveis como o SpaceX Falcon 9 e a futura nave estelar.

 

anuncio patrocinado