Adolescente é suspeito de matar o pai ao defender a mãe em briga

0

Segundo a polícia, o jovem de 13 anos deu três facadas na vítima durante uma discussão do casal na cidade de Montes Claros (MG)

 

 

Um adolescente de 13 anos foi detido suspeito de matar o próprio pai a facadas, na madrugada desta terça-feira (19), em Montes Claros, a 420 km de Belo Horizonte. Ele teria cometido o crime para impedir que a mãe fosse agredida durante uma briga do casal.

De acordo com as informações da Polícia Militar, a vítima, de 44 anos, teria saído de casa na noite de segunda-feira (18) e retornado na madrugada seguinte, com sinais de embriaguez e sem conseguir estacionar o carro na garagem.

A mulher dele teria ido até o veículo e pedido para o marido estacionar da forma correta. O homem teria ficado ofendido, saído do local e desferido palavras de baixo calão contra a companheira. Na sequência, ele deu um chute na perna e um tapa no rosto da esposa, segundo a polícia.

O filho do casal presenciou as agressões e, revoltado, foi até a cozinha e pegou uma faca. Ao ver o filho com o objeto na mão, o pai teria desafiado o adolescente a “ser mais homem” que ele. Logo depois, o homem teria dado um soco no filho, que revidou dando três facadas no homem.

O próprio adolescente acionou o SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), mas a vítima não resistiu e morreu no local.

“Agressões constantes”

Aos policiais, a mãe do jovem afirmou que sofria agressões constantes do marido, principalmente quando ele fazia uso de bebidas alcoólicas. A informação também foi confirmada pelo adolescente, que relatou ter presenciado diversas outros casos de violência contra a mãe.

O adolescente foi detido em flagrante e encaminhado a uma delegacia de polícia, junto com a faca utilizada no crime. De acordo com a Polícia Civil, o Ministério Público vai decidir sobre a possível internação do jovem. Um inquérito será aberto para investigar o histórico de agressões da vítima e também a vida pregressa do adolescente antes do crime.

anuncio patrocinado