Mulher promove festa e é presa por desacato em SP

0

Essa não foi a primeira vez que a polícia atendeu a uma ocorrência que envolvesse a mulher

 

 

Uma mulher, de 25 anos, foi presa em Santos, litoral de São Paulo, após xingar e resistir à abordagem policial. Ela é acusada de promover diversas festas em seu apartamento durante o período de isolamento social.

Os agentes da polícia precisaram usar spray de pimenta para conter a jovem. Ela gritava na frente do prédio onde mora quando os policiais chegaram. Além disso discutia com os moradores do condomínio, inclusive o síndico.

Quando tentaram controlar a situação, os policiais foram xingados pela jovem de “filhos da p…” e “policiais de m…”.

Por conta da atitude ela recebeu voz de prisão e, de acordo com os PMs da ocorrência ofereceu “certa resistência”.

Quando chegou na delegacia a mulher permaneceu em silêncio e assinou um termo circunstanciado de “desacato e perturbação do sossego alheio”.

Mas essa não foi a primeira vez que a polícia atendeu a uma ocorrência que envolvesse a mulher.

Os policiais já foram chamados por conta de denúncias de outros moradores por conta do barulho e movimentação no apartamento da mulher.

 

anuncio patrocinado