Jornalista é morto a tiros durante entrevista

0

Homens dispararam contra a vítima e fugiram em seguida. Leonardo Pinheiro, que era também pré-candidato a vereador, morreu no local

 

O jornalista e pré-candidato a vereador Leonardo Pinheiro, de 39 anos, foi morto a tiros na tarde de quarta-feira (14), no Rio de Janeiro. Proprietário da página “A Voz Araruemense”, Leonardo fazia uma entrevista quando homens que estavam num carro se aproximaram e dispararam contra a vítima. O jornalista morreu no local. Os homens fugiram.

A Polícia Civil afirmou que investigará o crime. “Foi instaurado inquérito para apurar as circunstâncias da morte. Perícia foi realizada no local. Diligências estão em andamento para esclarecer o caso”.

Leonardo era filiado ao partido Patriota. O diretório estadual da legenda lamentou a perda. “Lamentamos profundamente que a vida de um companheiro nosso tenha se perdido graças a mais um de tantos casos de violência no estado do Rio de Janeiro”, disse, em nota.

“Nossos pêsames aos familiares e nossa solidariedade a toda população de Araruama que perde um lutador pelas boas causas da comunidade”, concluiu.

 

anuncio patrocinado