Concurso de agente já passa dos 52 mil inscritos vão disputar 600 vagas no Iges-DF

0

Segundo o instituto, foram 28.223 registros para agente comunitário e 24.215 para agente de vigilância ambiental

 

Cinquenta e dois mil quatrocentos e trinta e oito candidatos se inscreveram no processo simplificado de contratação temporária de 600 agentes para o combate à dengue no Distrito Federal. Segundo o Instituto de Gestão Estratégica do Distrito Federal (Iges-DF), foram 28.223 inscritos para a vaga de agente comunitário de saúde e 24.215 para agente de vigilância ambiental em saúde.

A seleção vai contratar 300 pessoas para o primeiro posto e 300 para o segundo. A concorrência para agente comunitário é de 94 candidatos por vaga e 80 para agente de vigilância ambiental. O objetivo é reforçar a prevenção e o combate à dengue no DF.

O Iges vai analisar os currículos dos candidatos até o dia 19 de fevereiro. A publicação do resultado da seleção curricular será logo na sequência, em 20 de fevereiro.

Interessados poderão apresentar recurso entre 21 e 24 deste mês. A publicação do resultado final da análise curricular será no dia 28. Segundo o diretor-presidente do Iges, Francisco Araújo, a intenção do instituto é garantir a “transparência” de todo processo de seleção.

O secretário de Saúde, Osney Okumoto, assegurou que o resultado será divulgado no Diário Oficial do DF (DODF), no site da Secretaria de Saúde e na página do Iges. As vagas são para nível médio. O edital de contratação foi publicado em edição extra, em 30 de janeiro de 2020.

Salários

A seleção prevê salários de 1,7 mil para agentes comunitários e de R$ 2 mil para agentes de vigilância ambiental em saúde. Nos dois casos, o auxílio-alimentação é de R$ 394,50. A carga de trabalho é de 40 horas semanais.

REPRODUÇÃOReproduçãoA autorização para as contratações foi divulgada em 29 de janeiro deste ano, uma semana depois de o governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB), assinar decreto declarando situação de emergência na saúde do DF por risco de epidemia de dengue.

No último recrutamento do tipo, em 2014, o salário oferecido para jornada de 40 horas era de R$ 1.506,60. Houve contratação de banca para elaborar e aplicar prova objetiva de múltipla escolha, com duração de 3h30.

Os profissionais vão reforçar o trabalho de orientar a comunidade no combate ao mosquito transmissor da dengue. Eles visitarão residências para esclarecer a população sobre os locais de risco e eliminar focos do inseto, com a administração de produtos biológicos.

anuncio patrocinado