Família de Axé, de Tetê Moraes, estreia na próxima segunda (25/11), às 16h, no Cine Brasília

0

Documentário inédito sobre amizade, afetos e fé faz parte da Mostra Paralela Vozes, do 52º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro.

Depois de fazer o documentário sobre o músico João Donato, um dos fundadores da bossa nova, Tetê Moraes dá voz agora a Alberto Ribeiro Santana, Pai de Santo baiano e de sua família afro-brasileira de sangue e de axé (Filhos e Filhas de Santo). O documentário faz uma viagem no tempo mediante as festas, rituais, culinária, música e dança, revelando a luta para manter viva a cultura de seus ancestrais africanos e sua religião, o candomblé.

“Escolhi fazer um filme onde essas pessoas contam suas histórias e onde me coloco como participante e fio condutor pela profunda relação de amizade, o que permitiu uma maior aproximação da câmera na cozinha ou no salão de festas e em rituais, sempre respeitando os limites por eles estabelecidos de sua privacidade nos ritos do candomblé”, comenta a cineasta.

Esta é a primeira exibição pública do filme Família de Axé, sessão que será dedicada ao Pai Alberto, personagem principal do filme, que faleceu no último dia 14 de novembro, o que entristeceu muito Tetê Moraes, que lamenta a enorme perda.

Segundo a diretora, trata-se de uma história cheia de coragem, fé, alegria e superação de dificuldades, preconceitos e discriminações. Para ela, é um filme muito oportuno no momento atual brasileiro quando são questionadas conquistas democráticas como a diversidade de raça, orientação sexual e religiosa e sendo despontadas as intolerâncias religiosas e de crença. Tetê Moraes Diretora/produtora dos documentários longa: Terra para Rose (1987) prêmio Gran Coral, Festival de Havana; Sonho de Rose (2000), melhor filme dos júris populares dos Festivais do Rio e da Mostra Internacional de Cinema de SP, sobre os trabalhadores sem-terra; e O SOL (2006), prêmio público jovem Fest. Cine Brasileiro Paris, sobre o Brasil pós golpe militar 1964, através das histórias do jornal O Sol e seus personagens. Médias e séries para TV: Nasci para Bailar – João Donato – Havana/

Rio (2009), melhor filme Fest. Int. Docs Santiago Alvarez, Cuba. Dirigiu também Curtas como Pai de Gigantes (1995) coprodução com Canal + França e Fruto da Terra (1985).

Equipe:

FAMÍLIA DE AXÉ- Um filme de Tetê Moraes
Montagem – Henrique Tartarotti
Finalização de Imagem – Cezar Moraes Abc e João Paulo Reis
Direção de Produção e Assistente de Direção – Alice Browne
Produção Executiva – Tetê Moraes e Rosane Hatab
Fotografia e Câmera:
Amanda Assis Novaes
André Carvalho
Cláudio Antônio
Cezar Moraes Abc
Renato Junior
Rick Caldas
Som Direto – Dudoo Caribe
Edição de Som – Maria Muricy e Cristiano Scherer
Trilha – Renato Junior
Design – Fernando Pimenta
Duração: 1:16:06 (76 min e 06 segundos)
Coprodução Canal Brasil e Distribuição RioFilme e Vemver Brasil.
https://vimeo.com/331748528 senha: familia (apresentação da diretora)
https://www.youtube.com/watch?v=O-hDKH7BtC0&t=77s (trailer)

anuncio patrocinado